Desportiva Guarabira realiza Peneirão para as disputas da 2ª Divisão do Paraibano 2017

Ainda sob muitos segredinhos, no que se refere aos nomes que compõem a diretoria da Desportiva Guarabira, a equipe realizou na tarde desta quarta-feira (17), no Estádio Municipal Silvio Porto,em Guarabira-PB, um peneirão com atletas de várias cidades do Brejo e Agreste paraibanos, com objetivo de conseguir jogadores da casa aptos a compor o elenco que deve disputar a divisão de acesso à Série A do Campeonato Paraibano de 2018.

De certo, até agora, somente o nome do treinar da equipe. Gerso, que já defendeu as cores do time brejeiro, como lateral direito, e que montou a equipe do Paraíba de Cajazeiras, que conseguiu o acesso em cima da Desportiva na Segunda Divisão de 2014, é o mais novo técnico da equipe.

Durante a semana, surgiram rumores de que o presidente Domingos Sávio teria entregue o cargo para que dois empresários guarabirenses comandassem o clube, mas ao ser procurado pela nossa equipe, no Silvio Porto, ao final do peneirão, ele preferiu ficar em silêncio e não deu informações sobre as especulações.

Os empresários em questão seriam Deda da Claro, proprietário da Master Imagem, e Josivaldo Virgínio, proprietário da Arena Brasil, de Guarabira.

De todos os jogadores que se apresentaram no peneirão, apenas 6 foram escolhidos pelo professor Gerso, para se juntar a outros nomes que já estão na lista do técnico e que deverão estar à disposição do clube para iniciar a pré-temporada no mês de julho. O zagueiro Bob, que é de Guarabira e que foi destaque na Segunda Divisão, defendendo a Desportiva em 2014, deve ser contactado para se juntar ao elenco. De acordo com o professor Gerso, outro penerão deverá ser realizado antes de fechar o grupo.

O programa Esporte Total, da WEB TV Portalmidia, esteve conferindo o peneirão e conversou com o técnico Gerso, que falou sobre o trabalho que pretende desenvolver este ano, para tentar levar a Desportiva Guarabira à Primeira Divisão do Campeonato Paraibano do ano que vem. Veja no vídeo abaixo.

  • Comentar