CONECTE-SE CONOSCO

Destaque

Paraíba confirma 1.542 novos casos de Covid-19 em 24h

Publicado há

em

Paraíba confirma 1.542 novos casos de Covid-19 em 24h

 

Casos Confirmados: 56.344
Casos Descartados: 67.549
Óbitos confirmados: 1.171
Casos recuperados: 19.999
Total de municípios: 218

Nesta quarta, 08 de julho, a Paraíba registrou 1.542 novos casos de Covid-19 e 26 óbitos confirmados desde a última atualização, 2 deles ocorridos nas últimas 24h. São 56.549 pessoas que já contraíram a doença, 19.999 que já se recuperaram e 1.171 faleceram. Até o momento, 167.558 testes para diagnóstico da Covid-19 já foram realizados.

A ocupação total de leitos de UTI (adulto, pediátrico e obstétrico) em todo o estado é de 56%. Fazendo um recorte apenas dos leitos de UTI para adultos na Região Metropolitana de João Pessoa, a taxa de ocupação chega a 65%. Em Campina Grande, estão ocupados 49% dos leitos de UTI adulto e no sertão, 42% dos leitos de UTI para adultos.
O índice de Isolamento Social foi de apenas 39,5 %, considerado baixo em relação à meta de 70% e à mínima de 50%.

Os casos confirmados estão distribuídos por 218 dos 223 municípios paraibanos:

 

Água Branca (33); Aguiar (19); Alagoa Grande (490); Alagoa Nova (195); Alagoinha (555); Alcantil (22); Algodão de Jandaíra (4); Alhandra (379); Amparo (12); Aparecida (36); Araçagi (317); Arara (115); Araruna (126); Areia (185); Areia de Baraúnas (1); Areial (33); Aroeiras (102); Assunção (27); Baia da Traição (233); Bananeiras (93); Baraúna (119); Barra de Santa Rosa (23); Barra de Santana (65); Barra de São Miguel (9); Bayeux (1003); Belém (422); Belém do Brejo do Cruz (9); Bernardino Batista (3); Boa Ventura (3); Boa Vista (58); Bom Jesus (6); Bom Sucesso (7); Bonito de Santa Fé (5); Boqueirão (155); Borborema (7); Brejo do Cruz (140); Brejo dos Santos (8); Caaporã (795); Cabaceiras (15); Cabedelo (1976); Cachoeira dos Índios (46); Cacimba de Areia (7); Cacimba de Dentro (60); Cacimbas (39); Caiçara (265); Cajazeiras (719); Cajazeirinhas (1); Caldas Brandão (105); Camalaú (1); Campina Grande (7620); Capim (127); Caraúbas (26); Carrapateira (26); Casserengue (143); Catingueira (15), Catolé do Rocha (174); Caturité (61); Conceição (98); Condado (83); Conde (457); Congo (39); Coremas (39); Coxixola (12); Cruz do Espírito Santo (193); Cubati (52); Cuité (120); Cuité de Mamanguape (63); Cuitegí (163); Curral de Cima (15); Curral Velho (1), Damião (3); Desterro (37); Diamante (3); Dona Inês (30); Duas Estradas (44); Emas (4); Esperança (297); Fagundes (53); Frei Martinho (3); Gado Bravo (76); Guarabira (2527); Gurinhém (219); Gurjão (19); Ibiara (12); Igaracy (4); Imaculada (24); Ingá (398); Itabaiana (754); Itaporanga (49); Itapororoca (297); Itatuba (173); Jacaraú (148); Jericó (5); João Pessoa (15594); Joca Claudino (2); Juarez Távora (189); Juazeirinho (121); Junco do Seridó (28); Juripiranga (332); Juru (13); Lagoa (3); Lagoa de Dentro (49); Lagoa Seca (464); Lastro (15); Livramento (45); Logradouro (75); Lucena (208); Mãe d’Água (14); Malta (25); Mamanguape (1500); Manaíra (8); Marcação (80); Mari (547); Marizópolis (8); Massaranduba (200); Mataraca (117); Matinhas (49); Mato Grosso (7); Matureia (25); Mogeiro (84); Montadas (34); Monteiro (124); Mulungu (204); Natuba (45); Nazarezinho (8); Nova Floresta (21), Nova Olinda (6); Nova Palmeira (39); Olho D´Água (34); Olivedos (42); Parari (4); Passagem (29); Patos (1879); Paulista (65); Pedra Lavrada (22); Pedras de Fogo (1027); Pedro Régis (27); Piancó (79); Picuí (110); Pilar (182); Pilões (39); Pilõezinhos (173); Pirpirituba (126); Pitimbu (529); Pocinhos (66); Poço Dantas (3); Pombal (172); Prata (2); Princesa Isabel (45); Puxinanã (194); Queimadas (621); Quixaba (26); Remígio (174); Riachão (31); Riachão do Bacamarte (192); Riachão do Poço (38); Riacho de Santo Antônio (18); Riacho dos Cavalos (5); Rio Tinto (547); Salgadinho (11); Salgado de São Felix (119); Santa Cecília (21); Santa Cruz (13); Santa Helena (10); Santa Inês (20); Santa Luzia (176); Santa Rita (1424); Santa Terezinha (35); Santana de Mangueira (1); Santana dos Garrotes (6); Santo André (5); São Bentinho (23); São Bento (659); São Domingos do Cariri (22); São Francisco (8); São João do Cariri (31); São João do Rio do Peixe (81); São João do Tigre (4); São José da Lagoa Tapada (18); São José de Caiana (32); São José de Espinharas (10); São José de Piranhas (71); São José de Princesa (1); São José do Bonfim (51); São José do Brejo do Cruz (5); São José do Sabugi (164); São José dos Cordeiros (4); São José dos Ramos (116); São Mamede (33); São Miguel de Taipu (77); São Sebastião de Lagoa de Roça (127); São Sebastião do Umbuzeiro (4); São Vicente do Seridó (24); Sapé (603); Serra Branca (81); Serra da Raíz (13); Serra Grande (6); Serra Redonda (147); Serraria (35); Sertãozinho (50); Sobrado (97); Solânea (188); Soledade (99); Sossego (7), Sousa (630); Sumé (86); Tacima (81); Taperoá (51); Tavares (31); Teixeira (83); Tenório (11); Triunfo (11); Uiraúna (27); Umbuzeiro (45); Várzea (8); Vieirópolis (4); Vista Serrana (2), Zabelê (4).

*Dados oficiais preliminares (fonte: SIM,e-sus VE e SIVEP) extraídos às 10h do dia 08/07, sujeitos a alteração por parte dos municípios.

26 óbitos foram registrados entre os dias 03 de maio e 08 de julho:

Mulher, 28 anos. Residente em João Pessoa. Sem Comorbidade. Início dos sintomas em 29/04. Foi a óbito em hospital público no dia 03/05.

Homem, 79 anos. Residente em João Pessoa. Sem comorbidade. Início dos sintomas em 23/04. Foi a óbito em hospital privado no dia 04/05.

Mulher, 78 anos. Residente em João Pessoa. Cardiopata, hipertensa e portadora de hipertiroidismo. Início dos sintomas em 03/05. Foi a óbito em hospital privado no dia 11/05.

Mulher, 93 anos. Residente em João Pessoa. Diabética e hipertensa. Início dos sintomas em 08/05. Foi a óbito em hospital privado no dia 23/05.

Mulher, 89 anos. Residente em João Pessoa. Sem comorbidades. Início dos sintomas em 20/05. Foi a óbito em hospital público no dia 25/05.

Mulher, 53 anos. Residente em João Pessoa. Diabética, cardiopata, imunossuprimida. Início dos sintomas em 18/05. Foi a óbito em hospital privado no dia 26/05.

Mulher, 75 anos. Residente em Mulungu. Paciente com AVE prévio. Início dos sintomas em 24/05. Foi a óbito em hospital público no dia 26/05.

Homem, 62 anos. Residente em João Pessoa. Hipertenso, diabético, portador de doença neurológica. Início dos sintomas em 14/05. Foi a óbito em hospital privado no dia 27/05.

Mulher, 97 anos. Residente em João Pessoa. Hipertensa, diabética, obesa e portadora de doença neurológica. Início dos sintomas em 31/05. Foi a óbito no mesmo dia em hospital público.

Homem, 57 anos. Residente em Cruz do Espírito Santo.Hipertenso e diabético. Início dos sintomas em 19/05. Foi a óbito em hospital privado no dia 08/06.

Mulher, 92 anos. Residente em Campina Grande. Sem comorbidade. Início dos sintomas em 06/06. Foi a óbito em hospital público no dia 10/06.

Homem, 80 anos. Residente em Alagoinha. Diabético. Início dos sintomas em 11/06. Foi a óbito em hospital público no dia 23/06.

Homem, 23 anos. Residente em Mari. Diabético. Início dos sintomas em 19/06. Foi a óbito em hospital público no dia 24/06.

Homem, 91 anos. Sem comorbidades. Início dos sintomas em 15/06. Foi a óbito em hospital público no dia 27/06.

Mulher, 77 anos. Residente em Bonito de Santa Fé. Portadora de doença respiratória. Início dos sintomas em 30/06. Foi a óbito em hospital público no dia 01/07.

Homem,72 anos. Residente em Campina Grande. Sem comorbidade. Início dos sintomas em 06/06. Foi a óbito em hospital púbico no dia 02/07.

Mulher, 79 anos. Residente em Campina Grande. Cardiopata e diabética . Início dos sintomas em 25/06. foi a óbito em hospital público no dia 02/07.

Homem, 83 anos. Residente em Mari. Diabético, portador de doença neurológica e sequelado de AVC. Início dos sintomas em 26/06. Foi a óbito em sua residência no dia 02/07.

Homem, 73 anos. Residente em Campina Grande. Cardiopata. Início dos sintomas em 19/06. Foi a óbito em hospital público no dia 03/07.

Mulher, 52 anos. Residente em João Pessoa. Sem comorbidade. Início dos sintomas em 23/06. Foi a óbito em hospital público no dia 04/07.

Homem, 68 anos. Residente em Sousa. Sem comorbidades. Início dos sintomas em 20/06. Foi a óbito em hospital público no dia 04/07.

Homem, 32 anos. Residente em Campina Grande. Hipertenso e cardiopata, obeso e tabagista. Início dos sintomas em 15/06. Foi a óbito em hospital público no dia 05/07.

Mulher, 79 anos. Residente em Alhandra. Hipertensa. Início dos sintomas em 26/06. Foi a óbito em hospital público no dia 06/07.

Mulher, 69 anos. Residente em João Pessoa. Hipertensa e diabética. Início dos sintomas em 14/06. Foi a óbito em hospital público no dia 06/07.

Mulher, 79 anos. Residente em Cajazeiras. Comorbidades não informadas. Início dos sintomas em 09/06. Foi a óbito em hospital público no dia 08/07.

Homem, 31 anos. Residente em Sousa. Cardiopata. Início dos sintomas em 24/06. Foi a óbito em hospital público no dia 08/07.

Os dados epidemiológicos e de ocupação de leitos estão disponíveis em www.paraiba.pb.gov.br/coronavirus

Comente com seu Facebook

Clique para comentar

Escreva sua Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Destaque

Paraíba registra 1.134 novos casos de Covid-19 neste sábado

Publicado há

em

Por

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) registrou, neste sábado (23), 1.134 casos da Covid- 19. Entre os confirmados hoje, 62 (5,5%) são casos de pacientes hospitalizados e 1.072 (94,5%) são leves. Agora, a Paraíba totaliza 182.907 casos confirmados da doença, que estão distribuídos por todos os 223 municípios. Até o momento, 575.600 testes para diagnóstico da Covid-19 já foram realizados.

Também foram confirmados 13 novos óbitos desde a última atualização, sendo 07 deles nas últimas 24h. Os óbitos ocorreram entre os dias 13 de maio de 2020 e 23 de janeiro de 2021, sendo 05 em hospital privado e os demais em hospitais públicos. Com isso, o estado totaliza 3.968 mortes. O boletim registra ainda um total de 138.680 pacientes recuperados da doença.

Concentração de casos

Cinco municípios concentram 597 novos casos, o que corresponde a 52,6% dos casos registrados neste sábado. São eles: João Pessoa, com 346 novos casos, totalizando 46.855; Campina Grande, com 93 novos casos, totalizando 16.757; Sousa, com 71 novos casos, totalizando 4.371; Cabedelo, com 52 novos casos, totalizando 4.529; Pombal, com 35 novos casos, totalizando 1.847.

* Dados oficiais preliminares (fonte: e-sus VE, Sivep Gripe e SIM) extraídos às 10h do dia 23/01/2021, sujeitos a alteração por parte dos municípios.

Óbitos

Até este sábado, 197 cidades paraibanas registraram óbitos por Covid-19. Os 13 óbitos confirmados neste boletim ocorreram entre residentes dos municípios de João Pessoa (4), Campina Grande (4), Esperança (1), Cuité (1), Salgado de São Felix (1), Serra Branca (1) e Sousa (1). As vítimas são 08 homens e 05 mulheres, com idades entre 67 e 90 anos. Diabetes foi a comorbidade mais frequente e 03 deles não apresentavam comorbidades.

Ocupação de leitos Covid-19

A ocupação total de leitos de UTI (adulto, pediátrico e obstétrico) em todo o estado é de 52%. Fazendo um recorte apenas dos leitos de UTI para adultos na Região Metropolitana de João Pessoa, a taxa de ocupação chega a 53%. Em Campina Grande estão ocupados 62% dos leitos de UTI adulto e no sertão 60% dos leitos de UTI para adultos. De acordo com o Centro Estadual de Regulação Hospitalar, 29 pacientes foram internados nas últimas 24h.

Cobertura Vacinal

O sistema do Programa Nacional de Imunização entrou no ar na tarde desta sexta (22). Neste sábado não houve atualização dos dados e permanece a informação de 423 doses aplicadas no estado da Paraíba. Tal número diverge dos dados já divulgados pelas Secretarias Municipais de Saúde uma vez que o sistema está instável e é necessário um período para adequação desses registros.

Os dados epidemiológicos com informações sobre todos os municípios e ocupação de leitos estão disponíveis em: www.paraiba.pb.gov.br/coronavirus

Comente com seu Facebook

CONTINUE LENDO

Destaque

17ª avaliação aponta 200 cidades paraibanas classificadas como bandeira amarela no Plano Novo Normal

Publicado há

em

Por

O Governo da Paraíba publicou, neste sábado (23), a 17ª avaliação do Plano Novo Normal Paraíba que passa a vigorar a partir desta segunda-feira (25) (https://paraiba.pb.gov.br/diretas/saude/coronavirus/novonormalpb ). O documento aponta que 90% das cidades paraibanas (200) estão classificadas na cor amarela; 20 municípios devem ter a mobilidade restrita, uma vez que estão classificados em bandeira laranja; e os municípios de Cacimba de Dentro, Mulungu e Tacima são os únicos classificados na bandeira verde. Não há municípios avaliados na bandeira vermelha, que indica mobilidade impedida.

O secretário executivo de Gestão de Rede de Unidades de Saúde, Daniel Beltrammi, atribui a estabilidade nesta fase da avaliação às medidas preventivas adotadas em dezembro pelo Governo da Paraíba e ratificadas pelos Ministérios Públicos e Poder Judiciário, que “foram capazes de mitigar parte considerável dos efeitos negativos cumulativos das grandes aglomerações que se dariam em função das festividades de final de ano”.

Os esforços para que se contenham as evoluções da situação pandêmica para pior devem ser mantidos e dependem da decisão de cada uma das pessoas em seguir protegendo suas vidas por meio dos métodos e comportamentos reconhecidamente efetivos para conter a disseminação do novo coronavírus. Beltrammi alerta para os cuidados que ainda devem ser adotados na temporada de veraneio e carnaval:  “Merecem máximo empenho de todas as paraibanas e paraibanos no sentido de seguirem usando máscaras com frequência, não se aglomerar”

Taxa de Reprodução Viral – Os números efetivos de reprodução viral (Rt) têm assumido trajetória de crescimento estável no estado. Os dados são do Observatório de Síndromes Respiratórias da Universidade Federal da Paraíba (https://obsrpb.shinyapps.io/rt_estim/ ).

O Brasil, em 22/01/2021, apresentou comportamento da média móvel dos últimos 14 dias de Rt de 1,1046; acima de 1,0; logo demonstrando alto potencial de disseminação viral sustentada e com tendência de estabilidade. A Paraíba apresentou, em 22/01/2021, comportamento da média móvel dos últimos 14 dias de Rt 1,0604; e Rt diário de 1,0803, o que representa tendência de transmissibilidade ativa do novo coronavírus no estado.

A análise dos dados indica que “há riscos reais e sustentados de crescimento persistente dos números de casos, internações hospitalares e óbitos nas próximas duas quinzenas, no Estado da Paraíba”, afirma Daniel.

O relatório também faz menção ao início da campanha de vacinação contra a Covid-19 que já começou em todas as cidades da Paraíba, porém o secretário reforça que “a chegada das vacinas representa uma importante ferramenta para combatermos este inimigo invisível, mas não pode ser motivo para que abandonemos o uso de máscaras, manutenção do distanciamento social e lavagem das mãos. Não é tempo para aglomerações em festas, celebrações, almoços e jantares, mesmo que ao ar livre durante o verão. Os riscos de contágio pela Covid-19 seguem elevados em toda Paraíba. É tempo de cuidado e autoproteção!”

Comente com seu Facebook

CONTINUE LENDO

Destaque

Justiça concedeu liminar favorável a agentes de saúde em Tacima – PB

Publicado há

em

Justiça concedeu liminar favorável a agentes de saúde em Tacima – PB

Comente com seu Facebook

CONTINUE LENDO

⚡EM ALTA

Copyright © 2021 Portal Mídia Orgulhosamente criado com ❤️ por FNX CORPORATION.