CONECTE-SE CONOSCO

Destaque

Taxa de transmissão da Covid-19 no Brasil é a maior desde maio, aponta Imperial College

Publicado há

em

Taxa de transmissão da Covid-19 no Brasil é a maior desde maio, aponta Imperial College


Taxa de transmissão da Covid-19 no Brasil é a maior desde maio, aponta estudo

Taxa de transmissão da Covid-19 no Brasil é a maior desde maio, aponta estudo

taxa de transmissão (Rt) do novo coronavírus (Sars-CoV-2) para esta semana no Brasil é a maior desde maio, apontam dados do Imperial College de Londres, no Reino Unido. A atualização da estimativa foi divulgada nesta terça-feira (24) e se refere à semana que começou na segunda (23).

O relatório mostra que o índice está em 1,30. Isso significa que cada 100 pessoas contaminadas transmitem o vírus para outras 130 pessoas. Pela margem de erro das estatísticas, essa taxa pode ser maior (Rt de até 1,45) ou menor (Rt de 0,86). Nesses cenários, cada 100 pessoas com o vírus infectariam outras 145 ou 86, respectivamente.

Infográfico mostra taxa de transmissão (Rt) do novo coronavírus (Sars-CoV-2) no Brasil, segundo Imperial College de Londres — Foto: Fernanda Garrafiel/G1

A última vez que a taxa de transmissão no Brasil esteve tão alta foi na semana de 24 de maio, quando atingiu 1,31, segundo dados levantados pelo G1. O valor máximo possível naquela data, considerando a margem de erro, foi de 1,34.

 

A última vez que a taxa máxima de transmissão no país foi maior do que a vista nesta semana foi na semana de 17 de maio. Naquela data, o Rt estava, de novo, em 1,30, mas o valor máximo podia chegar até 1,47, segundo a margem de erro.

Os cientistas apontam que “a notificação de mortes e casos no Brasil está mudando; os resultados devem ser interpretados com cautela”.

 

  • Brasil vive ‘início de 2ª onda’ de Covid por falta de testes, de política centralizada e de isolamento social, apontam pesquisadores

 

Simbolizado por Rt, o “ritmo de contágio” é um número que traduz o potencial de propagação de um vírus: quando ele é superior a 1, cada infectado transmite a doença para mais de uma pessoa e a doença avança.

Depois de ficar abaixo de 1 por cinco semanas seguidas – entre o final de setembro e o final de outubro – , a taxa no Brasil voltou a ficar acima de 1 no início de novembro.

Há duas semanas, o número ficou em 0,68, o menor valor desde abril – mas a data coincide com o apagão de dados que atrasou a atualização de casos e mortes por Covid-19 pelo Ministério da Saúde. Como o Rt também considera esses dados, isso afeta as estimativas.

Segunda onda

 

Brasil já enfrenta segunda onda do coronavírus, afirmam cientistas em nota técnica

Brasil já enfrenta segunda onda do coronavírus, afirmam cientistas em nota técnica

Na segunda-feira (23), pesquisadores brasileiros divulgaram uma nota técnica na qual, baseados em dados da pandemia do novo coronavírus no Brasil, afirmam que o país vive o “início de uma 2ª onda”.

Eles apontaram ao menos três fatores para o “aumento explosivo” ou “manutenção da grande circulação do vírus”:

  • falta de “testagem sistemática com rastreamento de casos”;
  • falta de uma “política central coordenada, clara e eficaz de enfrentamento da situação”;
  • “afrouxamento das medidas de isolamento sem evidências empíricas, sem uma análise cuidadosa por uma painel de especialistas”.

 

O Brasil tinha 169.541 mortes por coronavírus confirmadas até as 8h desta terça-feira (24), segundo levantamento do consórcio de veículos de imprensa a partir de dados das secretarias estaduais de Saúde. O número é o segundo maior do mundo, atrás apenas dos Estados Unidos.

Taxa maior para São Paulo

Além da estimativa do Imperial College de Londres, pesquisadores brasileiros também monitoram o Rt.

Cientistas da Universidade de São Paulo (USP) e da Universidade Estadual Paulista (Unesp) calcularam, para esta semana, um Rt de 1,64 para o estado de São Paulo. Eles preveem um provável aumento no número de infectados no estado.

  • AUMENTO: ‘Brasil já está na 2ª onda de Covid-19’, diz pesquisador da USP

 

Dados da Secretaria de Saúde do estado mostram que as internações por Covid-19 voltaram a crescer na última semana – com um aumento de 17% nas internações entre os dias 15 e 21 de novembro. O crescimento veio mesmo após aumento de 18% na semana anterior, de 8 a 14 de novembro.

g1.globo

Comente com seu Facebook

Clique para comentar

Escreva sua Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Destaque

Homem é preso por destruir muro de motel em Guarabira

Publicado há

em

Por

Por volta das 05h30min da manhã deste sábado (16) na PB-057, próximo ao Intimus Motel, Guarabira-PB a polícia prendeu um homem por embriaguez e dano.

 A guarnição da viatura, 7698, foi acionada para averiguar uma colisão entre dois veículos, um automóvel e uma motocicleta, próximo ao Íntimos Motel. A guarnição ao chegar ao local encontrou a vítima no chão, o condutor da motocicleta informou que teria sido atingido por um automóvel, o qual encontrava-se colidido com o muro do motel. O suspeito foi pego tentando fugir do local sem prestar socorro, o qual não possuía habilitação e segundo ele, estava em um bar ingerindo bebida alcoólica. De imediato foi conduzido o suspeito a delegacia, o qual foi submetido ao exame de etilômetro, constando 0,54ml/l de álcool no sangue eem seguida foi entregue ao delegado plantonista para que fosselavrado o auto de prisão em flagrante por: embriaguez ao volante, direção perigosa, dano, lesão corporal e omissão de socorro.

 

Comente com seu Facebook

CONTINUE LENDO

Destaque

Homem é assassinado com facada no pescoço em Araçagi-PB

Publicado há

em

Por

Por volta das 21h40min deste sábado (16) na Rua Manoel Ribeiro Franco, centro, Araçagi-PB, foi registrado pela Polícia Militar um homicídio.

A guarnição do Destacamento de Araçagi foi informada de que um homem, vítima de esfaqueamento, tinha dado entrada na Unidade de Saúde Mista Vanildo Maroja. Imediatamente a guarnição foi ao local e manteve contato com familiares os quais informaram que a vítima estava tendo um relacionamento com a ex-companheira do acusado, o qual tem problemas psicológicos, e que já vinha ameaçando a vítima por várias vezes e que na noite de ontem concretizou a ameaça, efetuando um golpe de faca na região do pescoço, da vítima, e em seguida evadiu-se com destino a Rua Santo Amaro. De imediato a guarnição, com apoio da guarnição da Força Tática se dirigiu ao local informado efetuou várias rondas porem até o momento o indivíduo não foi localizado.

Momentos depois a guarnição tomou conhecimento que a vítima, ERALDO COSTA DE SOUZA, 36 anos, não resistiu ao ferimento e veio a óbito na unidade hospitalar de Araçagi. Nesse sentido, as diligências continuam objetivando localizar e prender o homicida.

Comente com seu Facebook

CONTINUE LENDO

Destaque

Mulher é presa ao usar documento falso para visitar presidiário na PB

Publicado há

em

Por

Uma mulher foragida da Justiça do Estado do Ceará foi presa na tarde deste sábado (16) pela Polícia Civil da Paraíba, no momento em que realizava visitas íntimas a um presidiário de João Pessoa.

A mulher, de  33 anos de idade, usava documentos falsos e foi presa em flagrante delito  por equipes da Delegacia de Defraudações e Falsificações de João Pessoa (DDF/JP). Ela ė foragida da Justiça do Ceará, onde foi condenada por prática de tráfico de drogas.

Segundo a delegada Andréa Melo, da DDF/JP, a mulher estava sendo investigada pela Polícia Civil da Paraíba desde outubro do ano passado. “A equipe da DDF descobriu que  a presa usou documentos falsos para se casar com um presidiário de João Pessoa”, informou.

“Na época, foram feitas diligências, mas nossa equipe não localizou o cartório em que ocorreu o casamento com uso de documento falso. Apesar disso, continuamos as investigações”, completou.

Após novas diligências, a Polícia descobriu que a foragida faria neste sábado uma visita íntima ao marido, que cumpre pena no Presídio Silvio Porto.  As equipes se deslocaram à penitenciária e prenderam a mulher. Ela foi autuada pela delegada Josenise Andrade. “A presa vai responder processo por uso de documentos falsos, falsidade ideológica e ainda cumprirá o mandado de prisão decretado pela Justiça do Ceará” , afirmou.

A mulher será encaminhada ao Sistema Prisional da Paraíba, onde vai aguardar decisão judicial para ser transferida ao Ceará.

Comente com seu Facebook

CONTINUE LENDO

⚡EM ALTA

Copyright © 2021 Portal Mídia Orgulhosamente criado com ❤️ por FNX CORPORATION.