CONECTE-SE CONOSCO

Notícias

Vídeo mostra momento em que motociclista sofre acidente no centro de Belém, PB

Publicado há

em

Vídeo mostra momento em que motociclista sofre acidente no centro de Belém, PB

Comente com seu Facebook

Clique para comentar

Escreva sua Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias

Após pressão de Governadores Pazuello diz que vacinação começa hoje

Publicado há

em

O Ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, disse nesta segunda-feira (18) que a vacinação contra a Covid-19 será iniciada a partir das 17h em todo o país. O anúncio foi feito após ele sofrer pressão dos governadores, que pediram para antecipar o início da aplicação das doses, inicialmente previsto para esta quarta-feira (20), conforme informou a colunista Andréia Sadi.

“Acho que podemos começar hoje até o fim do expediente, a partir das 17h”, declarou o ministro.

 

Neste domingo, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorizou o uso emergencial das vacinas CoronaVac e da Universidade de Oxford contra a Covid-19. Momentos depois, o governo de São Paulo aplicou a primeira vacina da CoronaVac. O governo federal, no entanto, ainda não havia iniciado a distribuição do imunizante pelo país, o que foi programado para esta segunda.

O horário de 17h para o início da vacinação nacional foi proposto, segundo Pazuello, para dar tempo de todos os estados receberem as doses da CoronaVac, vacina do Instituto Butantan em parceria com o laboratório chinês Sinovac.

Em cerimônia em São Paulo, Pazuello deu início à distribuição das doses pelo país no início da manhã. As caixas saíram do centro de distribuição de logística do Ministério da Saúde em Guarulhos, na Grande São Paulo.

“A todas as famílias das vítimas, recebam a nossa solidariedade. É muito difícil perder alguém que amamos. Está dado o primeiro passo para a maior campanha de vacinação do mundo”, afirmou o ministro.

O primeiro avião decolou da Base Aérea de São Paulo, no aeroporto de Cumbica, em Guarulhos, às 9h52, com destino ao estado de Goiás, e ao Piauí.

Das 6 milhões de doses, 4.636.936 serão enviadas pelo governo federal aos estados brasileiros. As outras 1.357.640 serão distribuídas pelo estado de SP.

Veja divisão das doses da CoronaVac para cada estado:

 

Região Norte

  • Rondônia – 33.040
  • Acre – 13.840
  • Amazonas – 69.880
  • Roraima – 10.360
  • Pará – 124.560
  • Amapá – 15.000
  • Tocantins – 29.840

 

Total de doses – 296.520

Região Nordeste

  • Maranhão – 123.040
  • Piauí – 61.160
  • Ceará – 186.720
  • Rio Grande do Norte – 82.440
  • Paraíba – 92.960
  • Pernambuco – 215.280
  • Alagoas – 71.080
  • Sergipe – 48.360
  • Bahia – 319.520

 

Total de doses – 1.200.560

Região Sudeste

  • Minas Gerais – 561.120
  • Espírito Santo – 95.440
  • Rio de Janeiro – 487.520
  • São Paulo – 1.349.200

 

Total de doses – 2.493.280

Região Sul

  • Paraná – 242.880
  • Santa Catarina – 126.560
  • Rio Grande do Sul – 311.680

 

Total de doses – 681.120

Região Centro-Oeste

  • Mato Grosso do Sul – 61.760
  • Mato Grosso – 65.760
  • Goiás – 182.400
  • Distrito Federal – 105.960

 

Total de doses – 415.880

g1

Comente com seu Facebook

CONTINUE LENDO

Notícias

Homem morto após ser empurrado pela namorada no litoral de SP seria pai de gêmeos

Publicado há

em

O homem de 39 anos que morreu após bater a cabeça durante uma discussão com a namorada, de 31, em Praia Grande, no litoral de São Paulo, seria pai de gêmeos, segundo relatou seu filho de criação nesta segunda-feira (18). À polícia, a mulher relatou que o empurrou para se defender de uma agressão, quando ele acabou caindo e morrendo no local. Ela foi presa em flagrante após o ocorrido.

Marcos Ramos fazia trabalho voluntário como professor de capoeira e trabalhava registrado em uma empresa. De acordo com seu filho de criação, o projetista de móveis Richard Henrique Marques Lopes, de 19 anos, o pai estava animado para a chegada dos primeiros filhos biológicos, já que seria a realização de um sonho.

O jovem relatou, em entrevista ao G1, que sua mãe teve um relacionamento de mais de 10 anos com Ramos e, mesmo após terminarem, ele mantinha contato até hoje com o pai de criação.

“Ele conviveu 15 anos com minha mãe e nunca a machucou. Entrou na minha vida quando eu tinha dois anos, não temos o mesmo sangue, mas ele é o meu pai. Cuidou de mim, educou, foi meu pai de verdade. Criou um trabalho espetacular na capoeira com as crianças que mais precisavam. Não posso ter certeza de nada, mas para mim e minha família ele sempre foi uma pessoa muito querida e amada”, diz o projetista.

A morte de Ramos aconteceu no bairro Solemar. PMs foram acionados após a briga e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) constatou o óbito do rapaz. Segundo a Polícia Civil, a mulher relatou que ela e o namorado tinham acabado de voltar da praia e iniciaram uma discussão porque ele não estava encontrando a chave do portão. Afirmou, também, que durante a briga a vítima deu um soco na cabeça dela, que em reação o empurrou. Em seguida, o homem caiu no chão, bateu a cabeça e não resistiu aos ferimentos.

O filho afirmou ao G1 que a companheira do pai está no terceiro mês de gestação e que eles já estavam juntos há pouco mais de um ano. “Eram os primeiros filhos biológicos dele. Era um sonho do meu pai, ele estava muito feliz com a chegada deles. Sempre que nos víamos conversávamos, não tínhamos um contato diário, mas sempre que eu ou ele precisávamos estávamos ali um para o outro”, conta Richard.

Após a morte do professor de capoeira, amigos e familiares se solidarizaram nas redes sociais e prestaram homenagens a ele e condolências a companheira. Alunos e pais de crianças que eram alunas de Ramos afirmaram em postagens que ele deixou um grande legado de aprendizado a todos que fizeram aulas com ele.

“Era um trabalho totalmente voluntário, ele não ganhava nada para ensinar a capoeira. O trabalho que tinha aqui no bairro é inesquecível. Ele tirou jovens das drogas, bebidas e até mesmo tirou crianças que eram para estar na rua, mas estavam ali com ele praticando uma arte brasileira. Dói na alma a partida dele, mas estará sempre no meu coração”, diz o filho.

A mãe da vítima, a faxineira Neuza Maria Ramos de Oliveira, de 60 anos, afirma que o filho era muito querido pelos alunos, familiares e amigos. “Toda mãe conhece seu filho e eu sei que o meu nunca foi agressivo. Ele sendo o meu filho mais velho, sempre foi exemplo para os menores. Não tem histórico criminoso e nem de ser violento com mulheres. Era amante do esporte, educado, não usava drogas. Quero uma investigação sobre como ocorreram as coisas. Não quero vingança, nem desejo mal de ninguém, até porque ela será a mãe dos meus netos. Ele estava muito feliz em ser pai. Sinto muito pelo ocorrido e me dói”, disse a mãe.

g1

Comente com seu Facebook

CONTINUE LENDO

Notícias

Criança é esfaqueada pelo irmão de nove anos na PB após briga por celular

Publicado há

em

 Uma criança de 11 anos foi esfaqueada pelo irmão de nove anos após briga por celular, neste domingo (17), no bairro Dona Milindra, na cidade de Patos, no Sertão da Paraíba. De acordo com informações, a mãe das crianças tinha saído e deixou os filhos sozinhos na residência.

As duas crianças começaram a discutir por conta do celular, quando o menino de 9 anos pegou uma faca e golpeou o outro. A criança esfaqueada começou a gritar pedindo socorro aos vizinhos que acionaram o Samu.

O menino foi socorrido para o Hospital Infantil Noaldo Leite. O estado de saúde da criança não foi informado.

A Polícia Militar também foi chamada na casa e acionou o Conselho Tutelar. A mulher deve prestar esclarecimentos por ter deixado as crianças sozinhas. Além dos dois meninos, a mãe tem um terceiro filho que é deficiente físico.

clickpb

Comente com seu Facebook

CONTINUE LENDO

⚡EM ALTA

Copyright © 2021 Portal Mídia Orgulhosamente criado com ❤️ por FNX CORPORATION.