CONECTE-SE CONOSCO

Destaque

Secretário da PB diz que cenário atual não prevê reabertura de escolas

Publicado há

em

As aulas da rede estadual de ensino da Paraíba devem ser iniciadas de maneira híbrida (presencial e remota) ou mesmo apenas remota no fim de fevereiro ou início de março a depender do processo de vacinação contra o novo coronavírus. A informação foi dada na tarde de hoje pelo secretário de Estado da Educação, Cláudio Furtado. Segundo ele, pelo cenário da pandemia que temos atualmente, não é possível promover a reabertura das escolas.

“Hoje um dos fatores que mais nos preocupa no que diz respeito ao retorno é a discussão do governo federal do início da vacinação. O Estado já tem seu programa de vacinação, mas temos que analisar o cenário hoje no Brasil, do aumento dos casos e isso tem que ser levado em consideração. Olhando o momento atual, não há condições de reabrir escolas”, declarou.

Claúdio explicou que foi criado um comitê estadual composto por pais, professores, servidores e alunos para discutir a retomada das atividades presenciais nas escolas do Estado da Paraíba. “Nós temos dialogado com os sindicatos dos docentes sobre esse retorno”.

Um dos fatores que será analisado para definir o modelo das aulas é o resultado do inquérito sorológico cuja divulgação deve se dar no dia 15 deste mês. “Estamos muito alinhados com a Secretaria de Saúde e esta volta das aulas só se dará se tivermos condições de segurança para a rede e a comunidade paraibana. Na Inglaterra, pararam as escolas agora”, comentou ele.

 

parlamentopb

Comente com seu Facebook

Clique para comentar

Escreva sua Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Destaque

Programação do Cinemaxxi Cidade Luz Para essa semana

Publicado há

em

vsProgramacao21-01

 

Comente com seu Facebook

CONTINUE LENDO

Destaque

Informações sobre a campanha de vacinação na Paraíba

Publicado há

em

Por

Total de doses recebidas no estado da Paraíba: 114.846,9

Quantitativo de seringas e agulhas armazenadas na SES: 411 mil

Tipo de vacina: Coronavac

Total de paraibanos que deverão ser vacinados: 54.689 pessoas

Quem irá receber as doses nessa primeira fase: 34% do previsto dos trabalhadores da saúde (42.925), Indígenas aldeados (10.432), Pessoas idosas em instituições (1212) e Pessoas com deficiência institucionalizada (120). O quantitativo é para a primeira e segunda dose (que será complementada a quantidade nos próximos dias) apenas dos grupos citados. As doses são encaminhadas para os municípios de acordo com a população destes públicos informados pelo Ministério da Saúde. Distribuiremos a primeira dose onde o registro é nominal, e quem tomar essa deve tomar a segunda que já está garantida.

Critérios para vacinação:
-Trabalhadores da saúde: 34% dos trabalhadores da assistência e vigilância à saúde, domiciliares como cuidadores de idosos e doulas/parteiras, funcionários do sistema funerário, estudantes da área de saúde que estiverem prestando atendimento na linha de frente da assistência a Covid-19.

– População indígena: Indígenas com 18 anos ou mais atendidos pelo Subsistema de Atenção à Saúde Indígena. A vacinação será realizada em conformidade com a organização dos Distritos Sanitários Especiais Indígena (DSEI) nos diferentes municípios;
– Idosos: Idosos acima de 65 anos que vivem em instituições de longa permanência. A estratégia de coordenação e execução das ações de vacinação é de competência municipal de saúde;

Aplicação da segunda dose da vacina: A segunda dose será aplicada 28 dias após a primeira dose.

Perfil das pessoas que receberam as primeiras doses na Paraíba:

Marineide Rodrigues Gouveia Ferreira, 60 anos, hipertensa, é enfermeira do Complexo Hospitalar Clementino Fraga há 17 anos. Há 10 meses a enfermeira atua na linha de frente e, até o momento, nunca teve a doença.

Indígena Genildo Alencar, Potiguara da aldeia Carneira, do município de Marcação. Ele tem 44 anos e é hipertenso e diabético.

Comente com seu Facebook

CONTINUE LENDO

Destaque

ENTREVISTA COM O PADRE REINALDO E O PROF. MARTINHO ALVES

Publicado há

em

Comente com seu Facebook

CONTINUE LENDO

⚡EM ALTA

Copyright © 2021 Portal Mídia Orgulhosamente criado com ❤️ por FNX CORPORATION.