CONECTE-SE CONOSCO

Destaque

Paraíba registra 641 novos casos de Covid-19 e 12 óbitos neste domingo

Publicado há

em

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) registrou, neste domingo (14), 641 casos da Covid- 19. Entre os confirmados hoje, 34 (5,3%) são casos de pacientes hospitalizados e 607 (94,7%) são leves. Agora, a Paraíba totaliza 204.584 casos confirmados da doença, que estão distribuídos por todos os 223 municípios. Até o momento, 626.860 testes para diagnóstico da Covid-19 já foram realizados.

Também foram confirmados 12 novos óbitos desde a última atualização, sendo 07 deles nas últimas 24h. Os óbitos ocorreram entre os dias 04 de janeiro e 14 de fevereiro de 2021, sendo quatro deles em hospitais privados e os demais em hospitais públicos. Com isso, o estado totaliza 4.242 mortes. O boletim registra ainda um total de 154.931 pacientes recuperados da doença.

Concentração de casos

Cinco municípios concentram 345 novos casos, o que corresponde a 53,82% dos casos registrados neste domingo. São eles: João Pessoa, com 219 novos casos, totalizando 53.768; Campina Grande, com 50 novos casos, totalizando 18.498; Catolé do Rocha, com 29 novos casos, totalizando 1.775; São José de Piranhas, com 26 novos casos, totalizando 1.063; Aroeiras, com 21 novos casos, totalizando 458.

* Dados oficiais preliminares (fonte: e-sus VE, Sivep Gripe e SIM) extraídos às 10h do dia 14/02/2021, sujeitos a alteração por parte dos municípios.

Óbitos

Até este domingo, 202 cidades paraibanas registraram óbitos por Covid-19. Os 12 óbitos confirmados neste boletim ocorreram entre residentes dos municípios de Campina Grande (2), João Pessoa (8), Prata (1) e Sousa (1). As vítimas são 07 homens e 05 mulheres, com idades entre 44 e 94 anos. Diabetes foi a comorbidade mais freqüente e dois não tinham comorbidades.

Ocupação de leitos Covid-19

A ocupação total de leitos de UTI (adulto, pediátrico e obstétrico) em todo o estado é de 53%. Fazendo um recorte apenas dos leitos de UTI para adultos na Região Metropolitana de João Pessoa, a taxa de ocupação chega a 61%. Em Campina Grande estão ocupados 51% dos leitos de UTI adulto e no sertão 70% dos leitos de UTI para adultos. De acordo com o Centro Estadual de Regulação Hospitalar, 33 pacientes foram internados nas últimas 24h.

Cobertura Vacinal

Foi registrado no sistema de informação SI-PNI a aplicação de 90.170 doses. Até o momento, 86.995 pessoas foram vacinadas com a primeira dose e 3.175 com a segunda dose da vacina.

Os dados epidemiológicos com informações sobre todos os municípios e ocupação de leitos estão disponíveis em: www.paraiba.pb.gov.br/coronavirus

Comente com seu Facebook

Clique para comentar

Escreva sua Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Destaque

CONFIRA VÍDEO: Câmera escondida flagra momento em que delegada e escrivão recebem dinheiro de extorsão na Paraíba

Publicado há

em

“Você vai mostrar que a delegada apontou pelo arquivamento. E já está tudo pronto para ser arquivado. Agora é com você”, orientou delegada ao receber R$ 2,5 mil para ajudar denunciado.

Uma câmera escondida flagrou o momento em que a delegada Maria Solidade e um escrivão receberam R$ 2.500 de extorsão para amenizar a situação de um policial rodoviário federal em um inquérito da Polícia Civil da Paraíba. A delegada e o escrivão foram presos, por força de mandado de prisão, nesta quinta-feira (22), em ação conjunta do Núcleo de Controle Externo da Atividade Policial (NCAP) e Gaeco (Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado), ambos do Ministério Público da Paraíba.

Em um dos vídeos a delegada orienta o policial sobre como vai proceder com o parecer que ela deu em troca do dinheiro. “Você vai mostrar que a delegada apontou pelo arquivamento. Entendeu? E já está tudo pronto para ser arquivado. Agora é com você.”

O policial responde: “Nessas agonias eu já…”, ao dizer que já providenciou o dinheiro. “Aí é com Alexandre”, completa a delegada, orientando o homem a entregar o dinheiro ao escrivão. O profissional foi abordado pela equipe da operação que desmascarou o fato e contou o dinheiro em sua presença.

A delegada e o escrivão da Polícia Civil da Paraíba são acusados da prática do crime de concussão, que consiste na exigência de vantagens indevidas pelo agente público. Conforme informações a delegada alvo do mandado de prisão foi Maria Solidade de Sousa. Segundo a investigação, a delegada estava tentando extorquir um agente da Polícia Rodoviária Federal.

No ano de 2016, a mesma delegada já havia sido alvo de investigações. Naquela época, Maria Solidade de Sousa foi acusada de desviar valores provenientes do pagamento de fianças.

clickpb

Comente com seu Facebook

CONTINUE LENDO

Destaque

Vacina contra a COVID-19: professores pedem para serem incluídos nos grupos prioritários

Publicado há

em

Comente com seu Facebook

CONTINUE LENDO

Destaque

Polícia recupera dinheiro roubado de casa lotérica em Pirpirituba

Publicado há

em

Comente com seu Facebook

CONTINUE LENDO

⚡EM ALTA

Copyright © 2021 Portal Mídia Orgulhosamente criado com ❤️ por FNX CORPORATION.