CONECTE-SE CONOSCO

Destaque

Hospital Clementino Fraga atinge 100% de ocupação nos leitos para Covid-19, em João Pessoa

Publicado há

em


Hospital Clementino Fraga tem 100% de ocupação em leitos de enfermaria e de UTI para Covid-19, em João Pessoa — Foto: Kleide Teixeira / Jornal da Paraíba

Hospital Clementino Fraga tem 100% de ocupação em leitos de enfermaria e de UTI para Covid-19, em João Pessoa — Foto: Kleide Teixeira / Jornal da Paraíba

O Hospital Clementino Fraga, uma das unidades que é referência para o tratamento da Covid-19 em João Pessoa, atingiu 100% da ocupação dos leitos de enfermaria e de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), conforme a Secretaria de Estado da Saúde (SES). Até a manhã desta sexta-feira (19), todos os 20 leitos de enfermaria e 15 de UTIs estavam ocupados.

Já o Hospital Metropolitano de Santa Rita, também referência no tratamento contra a Covid-19 na Paraíba, tem 31 leitos de enfermaria, sendo 25 leitos ocupados. Na UTI, de 33 leitos existentes, 24 estão ocupados.

O médico intensivista, Ciro Leite Mendes, contou que a tendência é de agravamento e reforça que a população tenha consciência desses números para que os hospitais não entrem em colapso.

Ocupação de leitos dos hospitais é preocupante por causa da COVID-19, na PB

A ocupação de leitos de UTI em todo o estado é de 60%. Na região metropolitana de João Pessoa, 74% dos leitos de UTI para adultos estão ocupados. Em Campina Grande, o mesmo setor tem taxa de 51%. No Sertão, 80% dos leitos de UTI estão ocupados.conforme dados da Secretaria de Estado da Saúde (SES).

De acordo com dados da SES, João Pessoa soma 54.662 casos confirmados de coronavírus e 1.322 mortes até a atualização mais recente, feita na quinta-feira (18).

G1

Comente com seu Facebook

Clique para comentar

Escreva sua Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Destaque

Camila afirma que fechamento de escolas causa prejuízos aos estudantes e suas famílias

Publicado há

em

Por

EDUCAÇÃO

A deputada estadual Camila Toscano (PSDB) defendeu, nesta quinta-feira (25), durante sessão especial na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), ações mais efetivas do Governo do Estado para que as escolas possam ser reabertas em toda Paraíba cumprindo todas as medidas de segurança contra a covid-19. A parlamentar disse que o fechamento das instituições de ensino está causando consequências graves na vida dos estudantes e também da sua família.

“Estamos com as escolas fechadas há quase um ano. A gente precisa ver uma movimentação na educação e o Governo do Estado tem que buscar alternativas que garantam o retorno às aulas. Não podemos ficar reféns da vacina, pois não sabemos quando estaremos todos imunes. A falta de aulas e da presença dos estudantes nas escolas e nas creches influencia diretamente na vida de toda uma família. Vemos que temos dentro disso tudo um aspecto social e econômico”, destacou Camila.

De acordo com a deputada, as aulas remotas não garantem a boa educação dos estudantes e sequer asseguram a educação, uma vez que muitos estudantes não têm sequer o que comer, imagine recursos tecnológicos. Camila defende que é indispensável a responsabilização das autoridades públicas, nas três esferas (municipal, estadual e federal) para solucionar o problema da volta às aulas.

Durante a sessão, a deputada cobrou uma movimentação da Secretaria de Educação para dar condições de voltar as aulas independente da vacina. “Não podemos esperar por um dia em que estaremos todos vacinados para garantirmos condições da volta às aulas. É de extrema urgência que o Estado adote medidas que garantam a segurança de um retorno o mais rápido possível”, disse.

 

Comente com seu Facebook

CONTINUE LENDO

Destaque

Marcus Diôgo diz que comércio de Guarabira não será fechado, mas fará fiscalização

Publicado há

em

Por

O prefeito de Guarabira, Marcus Diogo reuniu a imprensa na manhã desta sexta-feira (26) na Câmara Municipal para dar esclarecimentos à respeito do novo Decreto do Governo Estadual no tocante as ações de combate ao Coronavirus. Um dos questionamentos foi no tocante ao funcionamento do comercio local. Foi perguntado se haveria a possibilidade de ser fechado e o prefeito disse que não será fechado mas que haverá uma fiscalização rigorosa. Veja a coletiva de imprensa que foi transmitida ao vivo pela TVMidia

Comente com seu Facebook

CONTINUE LENDO

Destaque

TOQUE DE RECOLHER: homem com mandado de prisão por furto é preso em Guarabira

Publicado há

em

Por

Comente com seu Facebook

CONTINUE LENDO

⚡EM ALTA

Copyright © 2021 Portal Mídia Orgulhosamente criado com ❤️ por FNX CORPORATION.