CONECTE-SE CONOSCO

Religiosidade

“Sinto uma vergonha vicária por minha Igreja”, diz Johan Bonny, bispo católico

Publicado há

em

A diretiva do Vaticano que proíbe a bênção de uniões homossexuais gerou contestação entre alguns padres na Europa e deixou os bispos perplexos sobre como ministrar aos gays católicos.

Os conservadores elogiaram a decisão, emitida na segunda-feira pela Congregação para a Doutrina da Fé do Vaticano, mas ela desapontou muito os gays católicos, que sentiram que sua Igreja estava se tornando mais acolhedora sob o Papa Francisco.

“Sinto uma vergonha vicária por minha Igreja”, escreveu Johan Bonny, bispo católico romano de Antuérpia, Bélgica, em um comentário nesta quarta-feira no jornal flamengo De Standard.

— Quero pedir desculpas a todos aqueles para quem esta ação foi dolorosa e incompreensível. Sua dor pela Igreja é a minha hoje. Deus nunca foi mesquinho ou pedante com Suas bênçãos sobre as pessoas — disse ele.

A resposta de Bonny foi uma das mais contundentes de um bispo. Outros, como o arcebispo Mark Coleridge, de Brisbane, Austrália, apontaram os desafios que a Igreja enfrenta agora.

— Uma coisa é dizer que não podemos abençoar as uniões de pessoas do mesmo sexo. Bem, vamos nos comprometer a enfrentar a questão sobre de que outra forma poderíamos incluir casais do mesmo sexo — disse Coleridge nesta quarta-feira em um webinar com a revista católica The Tablet. — Não basta dizer “não podemos, não podemos”.

O padre James Martin, um jesuíta de Nova York, disse temer que a diretriz possa levar “alguns católicos LGBTQ a deixarem a igreja, após anos se sentindo rejeitados e indesejados”.

Na Alemanha, mais de 1.000 pessoas, a maioria deles padres, haviam assinado até quarta-feira uma petição em que diziam que não se recusariam a dar as bênçãos, de acordo com Burkhard Hose, um padre que lançou uma iniciativa pedindo “desobediência pastoral”.

Em alguns países, paróquias e ministros começaram a abençoar as uniões homossexuais em vez do casamento, e houve apelos para que os bispos institucionalizassem de fato essas bênçãos, embora a prática tenha causado alarme entre os conservadores.

A decisão, que o papa aprovou, foi uma surpresa para muitos na Igreja de 1,3 bilhão de membros porque ele tem sido mais conciliador com os gays do que talvez qualquer outro pontífice.

Ele tem realizado reuniões com casais gays e encoraja aqueles que desejam criar seus filhos na Igreja a fazê-lo. Em 2013, ele fez o agora famoso comentário “Quem sou eu para julgar” sobre gays que buscam a Deus e tentam viver de acordo com as regras da Igreja.

A Igreja Católica ensina que as tendências homossexuais não são pecaminosas, mas os atos homossexuais são.

Bill Donohue, presidente da Liga Católica com sede nos Estados Unidos, que apoia opiniões conservadoras, saudou a decisão em um comunicado no qual também criticou os bispos da Alemanha que expressaram apoio à bênção de casais do mesmo sexo.

— Uma coisa é dizer que todas as pessoas possuem igual dignidade aos olhos de Deus; outra bem diferente é dizer que tudo o que eles fazem é aceitável a Deus. O status humano e o comportamento humano não são idênticos — disse ele.

O cardeal Blase Cupich, arcebispo de Chicago, disse que a decepção dos gays católicos era “compreensível” e que a Igreja agora tinha que “redobrar nossos esforços para ser criativa e resiliente na busca de maneiras de acolher e encorajar todas as pessoas LGBTQ em nossa família de fé.”

Enquanto Coleridge e Cupich, ambos vistos como progressistas, parecem ter escolhido suas palavras com cuidado, Tobias Schaefer, o reitor da catedral em Worms, Alemanha, não escondeu sua indignação.

— Se a Igreja não tem o poder de abençoar onde as pessoas anseiam por bênçãos, ela não abandonou seu dever mais fundamental? Bênçãos não são uma forma de fazer um julgamento moral! — Schaefer disse no Facebook, acrescentando que desobedeceria à diretiva.

EXTRA

Comente com seu Facebook

Clique para comentar

Escreva sua Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Destaque

Missionários de “A Igreja de Jesus Cristo” fazem live respondendo perguntas

Publicado há

em

Os missionários de ‘A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias’ da missão Brasil-João Pessoa farão nesta noite (04) às 20 horas live no Facebook da Página respondendo perguntas da alma, como: O que Deus espera de mim? Existe vida após a morte? e outras.
Participe!
CLIQUE AQUI e assista!

Comente com seu Facebook

CONTINUE LENDO

Religiosidade

Se inscreva para aulas de Inglês gratuitamente e online

Publicado há

em

Você gostaria de aprender Inglês online e de graça? 🆓
As missionárias de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias disponibilizarão o curso de maneira remota e totalmente gratuita!
Esse sábado (14/08) às 19h30 a primeira aula vai começar! Não fica fora dessa grande oportunidade, as aulas irão acontecer todos os sábados 💯
ENTRE EM CONTATO CONOSCO para saber mais sobre como você pode participar! ⬇️
Chame no WhatsApp 83 99124-0333 e realize a sua inscrição!

Comente com seu Facebook

CONTINUE LENDO

Religiosidade

Tenha sua árvore genealógica gratuitamente e com ajuda de especialistas

Publicado há

em

Montar a árvore genealógica da sua família é possível com a ajuda de plataformas online, que economizam tempo na tarefa. Sites especializados oferecem bancos de dados de famílias que agilizam o preenchimento de acordo com o sobrenome, evitam erros e permitem até descobrir parentes familiares distantes graças ao algum parentesco registrado em genealogias conhecidas.

FamilySearch é um serviço de genealogia totalmente gratuito com mais de 20 anos de existência. O operado pela Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, ele conta com recursos que vão desde o reconhecimento de documentos para extração de dados e digitalização online até o acesso a cópias de arquivos de mais de 100 países.

O site também conta com uma ferramenta poderosa de pesquisa que permite encontrar, sem muito esforço, pessoas que tenham o mesmo sobrenome, de onde vêm e em que ano nasceram. Além de criar uma árvore pessoal, é possível guardar fotos, áudios e imagens da família para compor um projeto.

Além disso o site conta com ajuda de especialistas por telefone ou chat, tudo ilimitado e gratuito, sem nenhum custo ao usuário.
Para saber mais fale diretamente no WhatsApp 83 99135-5996 ou CLIQUE AQUI.

 

Comente com seu Facebook

CONTINUE LENDO

⚡EM ALTA

Copyright © 2021 Portal Mídia Orgulhosamente criado com ❤️ por FNX CORPORATION.