CONECTE-SE CONOSCO

Entretenimento

Juliette revela que vai pagar cirurgia da mãe com o prêmio do ‘BBB21’

Publicado há

em

Ainda muito emocionada logo após deixar a casa do BBB21, Juliette, a campeã da edição, o Big dos Bigs, falou especialmente sobre sua mãe, Dona Fátima. Afinal, a vitória da advogada e maquiadora acontece justamente na semana do Dia das Mães. Juliette pretende usar o prêmio de R$ 1,5 milhão para cuidar da saúde de sua ‘mainha’, que tem um problema no coração.

“Eu vou dar a ela o que eu não pude dar para a minha irmã. A minha irmã morreu num hospital público, e ela não teve escolha, e a minha mãe agora vai ter. Se ela quiser operar no melhor hospital, com os melhores médicos, ela vai escolher. Se ela não quiser, eu vou respeitar”, revelou a campeã do ‘BBB21’.

“Eu vou dar conforto. Eu vou retribuir tudo o que ela fez por mim. Ela nunca mais vai chorar por outras coisas. Ela vai chorar de felicidade e de orgulho”.

A primeira coisa que Juliette pretende fazer com o dinheiro que faturou no BBB21 é realmente a cirurgia da mãe e, na sequência, é cuidar dos irmãos. Ela explicou a condição de Dona Fátima: “Ela tem um ‘buraquinho’ no coração. Ela teve um AVC porque precisava fechar… e teve a pandemia, e ela não pode. Mas, se ela quiser… Porque é uma opção”.
Julitte e a mãe, Dona Fátima — Foto: Arquivo Pessoal

Julitte e a mãe, Dona Fátima — Foto: Arquivo Pessoal

E para deixar a gente com o coração ainda mais quentinho, Juliette fez uma declaração pra lá de especial para a mãe:
“Dona Fátima é a mistura da força, da resistência, com a doçura e a ingenuidade. A minha mãe é uma criança, ela não tem maldade com nada. Ela tenta o tempo inteiro ajudar as pessoas. E ela ama todo mundo. Ela representa tudo o que eu sou. Ela é uma leoa, ela é um monstro de força e de amor”.
Juliette com parte da família na infância — Foto: Arquivo Pessoal

Juliette com parte da família na infância — Foto: Arquivo Pessoal

Fonte: PBHOJE

Comente com seu Facebook

Clique para comentar

Escreva sua Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Entretenimento

Olimpíada de Tóquio acontecerá mesmo sob estado de emergência, diz COI

Publicado há

em

Logo da Olimpíada de Tóquio
© REUTERS/Issei Kato/Direitos Reservados

Vice-presidente da entidade afirmou que os Jogos serão seguros

A Olimpíada de Tóquio acontecerá mesmo que a cidade esteja sob estado de emergência por causa da Covid-19, disse uma autoridade olímpica de alto escalão nesta sexta-feira (21), sublinhando os desafios enfrentados pelos organizadores dos Jogos afetados pela pandemia.

Faltando só nove semanas para o início dos Jogos, o Comitê Olímpico Internacional (COI) procurou acalmar os temores do Japão de que o evento represente um fardo ao sistema médico já pressionado pela pandemia ao final de um encontro virtual de três dias para debater os preparativos.

Como incentivo à Olimpíada, que foi adiada em um ano devido à pandemia de Covid-19, foi anunciado que o presidente francês, Emmanuel Macron, cujo país sediará os Jogos de 2024, planeja comparecer à cerimônia de abertura de Tóquio.

O evento esportivo global enfrenta uma oposição crescente do público japonês. Uma pesquisa da Reuters divulgada nesta sexta-feira mostrou que quase 70% dos entrevistados quer um cancelamento ou um novo adiamento.

Indagado se a Olimpíada acontecerá mesmo que Tóquio esteja sob estado de emergência, o vice-presidente do COI, John Coates, que supervisiona os preparativos, respondeu: “Certamente que sim”.

Ele acrescentou que “todos os planos que temos à disposição para garantir a segurança e a proteção dos atletas e do povo do Japão se baseiam nas piores circunstâncias possíveis”.

Coates, que concedeu entrevista coletiva ao final da reunião, disse que mais de 80% dos ocupantes da Vila Olímpica serão vacinados antes de 23 de julho, quando a Olimpíada começa.

Ele ainda disse que pessoal médico adicional será parte das delegações olímpicas estrangeiras para apoiar as operações médicas e a implantação das contramedidas de Covid-19 nos Jogos.

O Japão só vacinou 4,1% de sua população, de acordo com um monitor global da Reuters, a taxa mais lenta entre os maiores e mais ricos países do mundo, e só cerca de metade de seu corpo médico já completou as inoculações.

Contrastando com algumas outras nações do G7 que estão começando a abandonar as medidas de lockdown antipandemia, a maior parte do Japão continua submetida a restrições de emergência em meio a uma quarta onda de infecções.

Coates disse esperar que a aceitação pública dos Jogos aumente à medida que mais pessoas se vacinem.

“Mas se não aumentar, nossa posição é que só temos que seguir com nosso trabalho. Nosso trabalho é fazer com que os Jogos sejam seguros para todos os participantes e todo o povo do Japão”.

agenciabrasil

Comente com seu Facebook

CONTINUE LENDO

Entretenimento

Fla encara a LDU para selar a classificação às oitavas da Libertadores

Publicado há

em

Maracanã, jogo do Flamengo - estádio - Mario Filho
© Alexandre Vidal/Flamengo/Direitos Reservados

Embate no Maracanã, às 21h, será transmitido pela Rádio Nacional

O Flamengo encara a LDU, do Equador, na noite desta quarta-feira (19), no Maracanã, pela quinta e penúltima rodada da Fase de Grupos da Copa Libertadores da América. Líder do Grupo G, o Rubro-Negro carioca depende apenas de um empate contra o adversário para garantir, matematicamente, a classificação às oitavas de final. O embate, às 21h (horário de Brasília), será transmitido ao vivo na Rádio Nacional. A cobertura esportiva começa às 20h30, com narração de Rodrigo Campos, comentários de Waldir Luiz, reportagem de Rafael Monteiro e plantão de noticias com Luiz Ferreira.

Os adversários equatarorianos ocupam a terceira posição na chave, com quatro pontos, e precisam vencer para seguirem vivos na briga pela classificação. O vice-líder do grupo G é o Vélez Sarsfield, da Argentina, com seis pontos,  e o lanterna é o chileno Unión La Calera, com dois.

O Rubro-Negro, comandado pelo técnico Rogério Ceni, permanece invicto na competição continental, apesar de ter pedido a condição de 100% de aproveitamento na última rodada, quando empatou por 2 a 2 com o Unión La Calera fora de casa.

Nas quatro primeiras rodadas da Fase de Grupos, o Flamengo foi o time que obteve o ataque mais positivo: 12 gols no total. Além disso, conta no elenco com o artilheiro do campeonato, o atacante Gabigol, que já balançou a rede adversária em seis oportunidades. Ele divide a artilharia com Borja, do colombiano Junior Barranquilla, que também fez seis gols.

Já a LDU tem, até o momento, apenas uma vitória como mandante contra o Vélez Sarsfield (3 a 1). Nos outros três jogos fora de casa, empatou com o Unión la Calera na estreia da competição (2 a 2) e perdeu para o Flamengo (3 a 2) e também para o Vélez (3 a 1).

Vélez x La Calera

A primeira partida desta noite no Grupo G será entre o argentino Vélez Sarsfield contra o chileno Unión La Calera, às 19h, no estádio José Amalfitani, na capital Buenos Aires. Os donos da casa precisam vencer para não correrem risco de deixar a vice-liderança, no caso de vitória da LDU sobre o Flamengo.

Já os chilenos não têm opção: apenas a vitória mantém o La Calera vivo na luta por uma vaga nas oitavas. Se perder, a equipe disputará a última rodada sem chances de classificação.

agenciabrasil

Comente com seu Facebook

CONTINUE LENDO

Entretenimento

CAPS de Araçagi está realizando a Semana Antimanicomial que teve início segunda-feira (17), e segue ate a próxima sexta-feira (21)

Publicado há

em

Na manhã de hoje foi realizado um café da manhã para os usuários do CAPS que teve a presença da Prefeita Josilda Macena, do Secretário de Comunicação, Cristiano Santos e da Coordenadora do CAPS, Ilda Parana, foram distribuídos alguns kits para os usuários.
A Prefeita falou da importância que os serviços ofertados tem para a comunidade e a coordenadora Ilda Parana informou que na próxima segunda-feira (24), o médico estará voltando a atender os usuários do CAPS.
O que é a luta Antimanicomial?
A luta antimanicomial é um movimento a favor dos direitos das pessoas com transtorno/sofrimento mental. É o combate a lógica de que as pessoas com transtorno mental devam ser tratados mediante internações psiquiátricas, excluídas e isoladas do convívio social e familiar. Isso porque, defende-se o direito de todo cidadão a liberdade, a autonomia, cuidado humanizado e em inserção social.
Cronograma:
17/05 – Distribuição de folder Informativo nos principais serviços da rede intersetorial.
18/05 – Momento de debate e reflexão com os usuários sobre o tema.
19/05 – Atividades internas com os usuários.
20/05 – Mesa redonda com representantes da rede intersetorial.
21/05 – Atividades internas dos usuários.
Assessoria

Comente com seu Facebook

CONTINUE LENDO

⚡EM ALTA

Copyright © 2021 Portal Mídia Orgulhosamente criado com ❤️ por FNX CORPORATION.