Belém-PB, tem um caso em investigação de varíola dos macacos

O município de Belém, localizado no Agreste paraibano, tem um caso em investigação de varíola dos macacos. A informação é da Secretária de Estado de Saúde (SES), confirmada nesta quarta-feira (10).

De acordo com a Secretaria de Saúde, são 18 casos investigados em todo o estado da Paraíba, sendo 11 casos investigados em João Pessoa, 2 em Santa Rita, na Grande João Pessoa, 1 em Rio Tinto, 1 em Mulungu, 1 em Ingá, 1 em Belém e 1 em Sousa. Ainda de acordo com a Secretaria de Saúde, a maioria dos casos em investigação apresenta sintomas leves e cumpre isolamento em casa.

O órgão ainda chama a atenção da população para o uso de máscaras e higienização das mãos. Em caso de qualquer sintoma, a orientação é procurar uma Unidade Básica de Saúde (UBS), Unidade de Pronto Atendimento (UPA) ou, dependendo da cidade, um Hospital Regional para que seja feita a coleta de material para notificação e investigação.

Sobre a doença

A varíola dos macacos é uma doença viral rara transmitida pelo contato próximo com uma pessoa infectada. Os sintomas iniciais costumam ser febre, dor de cabeça, dores musculares, dor nas costas, gânglios (linfonodos) inchados, calafrios e exaustão. Dentro de 1 a 3 dias ou mais desses sintomas, o paciente começa a desenvolver erupções cutâneas.
Usar máscaras, manter o distanciamento e a higienizar as mãos são formas de evitar o contágio pela doença, como informou a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Related posts

Deixe uma resposta