Bolsonaristas atacam PRF em Novo Progresso, no Pará

Viatura da PRF foi alvo de ataques em ação para tentar desbloquear trecho na rodovia BR-163, que está sendo bloqueado em ato antidemocrático. No vídeo do confronto, é possível ouvir som de tiros.

Apoiadores de Jair Bolsonaro (PL) atacaram agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) em Novo Progresso, no sudoeste do Pará, nesta segunda-feira (7). Houve disparos de tiros, mas ainda não é possível identificar de onde partiram.

Uma viatura da PRF foi atacada por manifestantes que mantêm bloqueio na BR-163. Uma criança sofreu intoxicação pelo uso de gás e precisou ser socorrida. Um agente foi ferido pelos manifestantes.

Segundo a PRF, vídeos divulgados em redes sociais mostraram a ação que “tem objetivo de desbloquear trecho da rodovia federal (BR-163) que está sendo obstruído por manifestantes”.

A corporação informou que, durante o confronto, uma criança precisou ser socorrida e levada ao pronto atendimento. Ela passa bem.

Novo Progresso foi a cidade paraense que mais deu votos a Jair Bolsonaro no segundo turno: quase 83% dos votos.

Interdição

Castanheira centenária e em extinção foi derrubada em manifestação contra resultado das eleições — Foto: Reprodução/Redes Sociais

O trecho da BR-163 em Novo Progresso onde ocorreu a confusão está parcialmente interditado nesta segunda-feira (7). O local de interdição é na mesma cidade onde uma árvore em risco de extinção foi derrubada.

A manifestação antidemocrática, contra o resultado das eleições, chega ao oitavo dia.

A interdição parcial no km 312 da BR-163 em Novo Progresso começou na noite de domingo (6) e continuava até as 12h desta segunda-feira (7), segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF).

g1

Related posts

Deixe uma resposta