Célio Alves é oficializado candidato a deputado estadual pelo PSB

O ex-secretário do Orçamento Democrático Célio Alves teve seu nome homologado em convenção partidária do PSB — Partido Socialista Brasileiro —, nesta sexta-feira, 5, candidato a deputado estadual. Há quatros anos, ele foi candidato pela primeira vez, superando a casa dos 8 mil votos.

“Perdi em 2018, mas não abandonei o povo. Pelo contrário, fui lutar por obras e ações que muitos de mandato não conseguiram. É a prova de que, como deputado estadual, poderemos fazer muito mais”, afirmou.

Célio Alves disse que, ao lado de militantes e lideranças, “vai ganhar as ruas e as redes sociais com a mensagem de quem faz política com trabalho, ideias e propostas, sem mentir, enganar e trair, dizendo ao povo que a política é pra fazer o bem, e não, se dar bem.”

O candidato a deputado estadual garante que, com ele, “Guarabira, o Brejo e a Paraíba terão uma voz forte, preparada e que nasce do meio da grande maioria da população, daqueles que mais precisam.”

Em Guarabira, Célio Alves conta com o apoio de um grupo numeroso, composto de suplentes de vereador, à exemplo de Dr Adriano, Alex do Mutirão, Bela Fernandes, Neide Marinho, Pereira Policial, Tarcísio Nem, ex-vereadores, como Marcos de Enoque, Bica, Adriana de Severo e Toinho do Inhame, Neide de Teotônio, vereador Josa da Padaria, os ex-secretários municipais Jeremias Cavalcanti, Aguiberto Montoya e Marcos Édson, o vice-prefeito Dr Wellington Oliveira e o ex-candidato a prefeito Antônio Teotônio.

Na região, Célio Alves está construindo apoios e assegura que deve anunciar novidades brevemente. Um deles deverá ser o da ex-prefeita de Sertãozinho Márcia Mousinho, que estava ao lado do candidato na convenção.

Radialista, jornalista, advogado, Célio Alves também foi secretário-executivo da Comunicação Institucional da Paraíba. Nascido em família pobre, tem apresentando sua experiência de vida como exemplo de que é possível superar as dificuldades, através de ações inclusivas da política.

Célio Alves apoia João Azevêdo para governador, Pollyanna Dutra ao Senado, Gervásio Maia à reeleição de deputado federal e Lula, como presidente.

“Sou homem de grupo e de posições claras. Não escondo minhas opções políticas. Estou onde sempre estive, sem mudar. E faço o que sempre fiz e farei: defender os que mais precisam”, garantiu Célio.

Assessoria

Related posts

Deixe uma resposta