Empresa de TI projeta faturar R$ 10 mi com software de educação

SWA, do Oeste do Paraná, cria software educacional, amplia receita, equipes e carteira de clientes, além de mirar em projetos para 2023. Entre eles, criar uma fintech para educação

Pelo menos 155 instituições de ensino de todo o país têm em Medianeira, Oeste do Paraná, a fonte para suas soluções em tecnologia da informação. É nesse município interiorano, de pouco mais de 40 mil habitantes, que nasceu, em 2006, e nele está instalado o que hoje é um dos cinco principais grupos fornecedores de softwares educacionais do Brasil: o Grupo SWA.

Constituída, há 16 anos, como um projeto de estágio de estudantes do campus local da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), a empresa experimenta “crescimento exponencial” nos últimos quatro anos, conforme palavras do CEO e um dos fundadores, Leandro Scalabrin. A ponto de projetar encerrar 2022 alcançando e ultrapassando os R$ 10 milhões de faturamento anual.

Esse montante inclui as receitas de todo o Grupo SWA, formado pelo ERP Jacad, a Neocred e a Matheus Soluções, esta, de Curitiba, adquirida no segundo semestre do ano passado. Aquisição, aliás, que faz parte de um dos capítulos desse “crescimento exponencial” dos últimos anos a que Scalabrin se refere. A incorporação fez o Grupo SWA atender nichos da área de educação em que ainda não estava inserido.

Os R$ 10 milhões de faturamento em 2022 vão representar um salto de 45% em relação aos R$ 7 milhões registrados em 2021. Da receita do ano passado, R$ 4,1 milhões corresponderam ao faturamento do ERP Jacad; e R$ 2,9 milhões, são números da Matheus Soluções e Neocred.

A maior parte do crescimento, do exercício anterior para o atual, já foi consolidada com o desempenho no primeiro semestre. De acordo com Scalabrin, entre janeiro e final de junho últimos o faturamento subiu 93% sobre igual período do ano passado.

Os incrementos não se limitam às receitas. Reflexo do bom momento do grupo, foram abertos 41 postos de trabalho na primeira metade de 2022, já ocupados com novos funcionários. “Isso representa um crescimento de 60% no tamanho de nosso time”, comemora o CEO do Grupo SWA.

Acréscimo também na carteira de clientes: foram 32 novos em 2022. Com isso, o grupo chegou à marca das 155 instituições de ensino atendidas por seus sistemas. Entre essas instituições, estão o grupo educacional Descomplica e centros universitários como UniAmérica, Uniguaçu, Uningá, Unigoiás e UNICV.

PASSO SEGUINTE: FINTECH

Há um passo seguinte em gestação: a criação de uma fintech especializada em soluções financeiras para empreendimentos de educação. “Queremos ajudar na competitividade de nossos clientes. Boa parte deles é formada por pequenas e médias empresas, com pouca força para negociações com bancos, de tarifas e outras condições”, vislumbra o empreendedor.

O lançamento da fintech está sendo planejado para o ano que vem. Mas não significará uma mudança de foco do grupo. Ao contrário. Também para 2023, a intenção é colocar no mercado softwares educacionais ainda mais em sintonia com as demandas do setor.

Leandro Scalabrin explica: “estamos atentos a novos modelos e estratégias de gestão das instituições de ensino. Então, temos que oferecer um software cujas configurações e parametrizações estejam em convergência com esses novos modelos e estratégias”.

Para o executivo, a constante evolução faz parte da identidade do Grupo SWA. “Quando nascemos, como um projeto de estágio, incubado pela UTFPR, a internet ainda era algo relativamente novo. A presença da tecnologia nas nossas vidas não era intensa como hoje. Acompanhamos esse processo de mudanças”, avalia.

(box)
NÚMEROS
Alguns dados do Grupo SWA

  • 155 instituições de ensino clientes, em 22 unidades da federação do país;
  • 32 instituições se tornaram clientes neste ano, crescimento de 30% no portfólio;
  • 500 mil estudantes e 40 mil professores utilizam a tecnologia ERP Jacad;
  • Faturamento do grupo em 2021: R$ 7 milhões, sendo R$ 4,1 milhões só do ERP Jacad e Neocred, e R$ 2,9 milhões da Matheus Soluções, adquirida naquele ano;
  • 93% de crescimento no faturamento no primeiro semestre de 2022 comparado a igual período do ano passado;
  • R$ 10 milhões é a projeção de faturamento do grupo para 2022;
  • 60% foi a ampliação nos quadros de pessoal neste ano, em relação ao número de funcionários em dezembro de 2021.

MAIS INFORMAÇÕES

Sobre o Grupo SWA e suas soluções: https://www.swa.com.br/

Related posts

Deixe uma resposta