Estudar em instituições internacionais oferece vantagem no mercado de trabalho

Para o professor e palestrante Alexandre Slivnik, universidades do exterior disponibilizam cursos presenciais e remotos capazes de dar mais notoriedade aos currículos

As principais oportunidades do mercado de trabalho estão cada vez mais exigentes e é preciso ter um currículo diferenciado para conseguir um emprego satisfatório em todos os sentidos.

Uma ótima estratégia para se destacar é a realização de cursos no exterior. Embora muitas pessoas saibam que estudar em instituições internacionais é algo de grande valor para suas carreiras, alguns ainda não entendem quais são as reais vantagens que esse tipo de experiência proporciona.

De acordo com Alexandre Slivnik, vice-presidente da Associação Brasileira de Treinamento e Desenvolvimento (ABTD), que realiza cursos e palestras há vinte anos, ao analisar currículos, as experiências adquiridas em outros países são levadas em consideração pelas empresas. “Toda e qualquer ação de desenvolvimento conta muito durante uma entrevista de emprego. E claro, se essa ação foi feita fora do país, é ainda melhor. Isso porque esse tipo de experiência aprimora a comunicação, oferece um networking efetivo e demonstra uma qualificação de respeito”, relata.

O palestrante aponta um estudo realizado por pesquisadores da Universidade da Flórida, que mostrou uma relação positiva entre experiências multiculturais e o aumento da criatividade. “O artigo fez uma comparação entre um grupo que estudou no exterior e outro que nunca saiu do país de origem. A principal conclusão foi que as experiências proporcionadas por estudos internacionais estimulam a criação de soluções inovadoras para as mais diversas situações que surgem em ambientes culturalmente diferentes do habitual”, pontua.

Uma outra pesquisa investigou o conceito de criatividade convergente, que utiliza conhecimentos já existentes e métodos tradicionais em busca de novas soluções. Os autores do estudo indicam que a aprendizagem bilíngue, especialmente adquirida no local de origem do segundo idioma, está diretamente relacionada a essa capacidade. Ainda de acordo com a pesquisa, aqueles que tiveram experiências internacionais alcançaram uma pontuação maior nos testes de criatividade que foram realizados.

Segundo Slivnik, os cursos disponibilizados por universidades e instituições internacionais de maneira online também são levados em consideração em uma entrevista de emprego. “Se você pode estudar fora do país, vá. Se você não pode, fique aqui e busque conhecimento online. Grandes universidades americanas e europeias estão disponibilizando essa formação de maneira remota, e isso é de suma importância para o crescimento de carreiras”, declara.

Mesmo com o advento da tecnologia, a metodologia de ensino presencial possui maior prestígio na hora de analisar um currículo. “Uma atividade online, de fato, conta um pouco menos. Quando alguém vai para outro país, existe a experiência de viver fora, de praticar uma nova língua e conhecer diferentes pessoas e culturas. Ainda assim, quem tem uma graduação online já estará na frente de quem não tem absolutamente nada”, finaliza o vice-presidente da ABTD.

Alexandre Slivnik é reconhecido oficialmente pelo governo norte americano como um profissional com habilidades extraordinárias na área de palestras e treinamentos (EB1). É autor de diversos livros, entre eles do best-seller O Poder da Atitude. É diretor executivo do IBEX – Institute for Business Excellence, sediado em Orlando / FL (EUA). É Vice-Presidente da Associação Brasileira de Treinamento e Desenvolvimento (ABTD) e diretor geral do Congresso Brasileiro de Treinamento e Desenvolvimento (CBTD). É professor convidado do MBA de Gestão Empresarial da FIA / USP. Palestrante e profissional com mais de 20 anos de experiência na área de RH e Treinamento. É atualmente um dos maiores especialistas em excelência em serviços no Brasil. Palestrante Internacional com experiência nos EUA, EUROPA, ÁFRICA e ÁSIA, tendo feito especialização na Universidade de HARVARD (Graduate School of Education – Boston / EUA). www.alexandreslivnik.com.br.

Related posts

Deixe uma resposta