Família em João Pessoa denuncia que teve casa arrombada e que policiais militares deixaram de agir e debocharam da situação: “manda conta do prejuízo para Lula”

Família em João Pessoa denuncia que teve casa arrombada e que policiais militares deixaram de agir e debocharam da situação: “manda conta do prejuízo para Lula”

Família possui loja de artigos decorativos com cunho social e político. Segundo o vigilante da rua que presenciou o roubo, policiais ao verem os destroços teriam debochado do crime.

Uma família de João Pessoa denunciou nesta segunda-feira (27), que teve sua casa arrombada, revirada e pertences levados na noite de São João, 24 de junho, enquanto eles viajavam para comemorar o período junino, na rua Saffa Said Abel da Cunha, em Tambauzinho. Conforme o relato, o caso teve pouca assistência da policial e a equipe teria zombado do posicionamento político da família.

De acordo com a família, notebooks, televisões, dinheiro em espécie, ventiladores e câmeras profissionais foram levados, além de comidas e outros objetos. Eles possuem uma loja de artigos decorativos com cunho político e social.

Ainda segundo o relato, o arrombamento aconteceu por volta das 19h do dia 24 e os criminosos levaram pelo menos duas horas roubando os pertences e os transportando a pé, em várias viagens feitas em direção a uma comunidade vizinha a uma delegacia da Av. Epitácio Pessoa.

O vigilante da rua teria ido a esta delegacia, que fica próxima a o Magazine Luiza e lá comunicou o que estava ocorrendo. Lá, ele foi informado que a equipe não poderia fazer nada pois não havia um Boletim de Ocorrência registrado e assim, leve mesmo registrou o BO.

Porém, os policiais não se manifestam. O vigilante então, volta até a casa e vê que o roubo continua acontecendo. Por fim, uma viatura chega por volta das 21h30 e encontraram a casa aberta, mas os ladrões já não estavam mais lá.

Segundo o vigilante, os policiais presenciaram os destroços e um deles teria dito “pede para os donos mandarem a conta do prejuízo para o Lula”.

Durante a noite, a casa novamente ficou aberta e no dia seguinte, vizinhos relataram que outra viatura chegou fazendo a mesma piada.

A família denuncia nas redes a falta de ineficácia da polícia:

Em nota, a polícia afirma que um chamado de um vigilante, através do CIOP (Centro Integrado de Operações Policiais), por volta das dez horas da noite da última sexta-feira (24), informando que dois bandidos teriam furtado uma TV, um ventilador e uma mala com objetos de uma casa, localizada na rua Saffa Said Abel da Cunha, em Tambauzinho.

“Em 4 minutos e 22 segundos, uma viatura chegou até o local onde estava o vigilante, fez rondas nas proximidades, mas os suspeitos não foram encontrados. Pela descrição feita acerca dos suspeitos, são pessoas que já foram presas outras vezes da Polícia Militar e foi orientado que o vigilante passassem para os proprietários da residência, que estavam viajando, segundo ele, que procurassem a Polícia Civil para que fossem iniciadas as investigações”, disse a polícia.

Ainda conforme a nota, antes desse horário, 22h, não há nenhuma solicitação formal à Polícia Militar informando do crime, pelo que consta no CIOP. Além disso, sobre o caso, não tem nenhuma denúncia formal, até então, questionando o atendimento dessa ocorrência

clickpb

Related posts

Deixe uma resposta