Homem pede indenização à empresa e a Ratinho por propaganda enganosa

Homem pede indenização à empresa e a Ratinho por propaganda enganosa

Tobias da Silva Pedro alega que foi lesado pela Solução Financeira, empresa do qual Ratinho é garoto-propaganda.

 

O instalador de cortinas Tobias da Silva Pedro, morador de Pinhais, no Paraná, processa a empresa Solução Financeira e o apresentador Carlos Roberto Massa, mais conhecido como Ratinho. O profissional alega que foi lesado pela empresa especializada em redução de dívidas de financiamento, do qual o artista faz publicidade.
No processo movido por Pedro, ao qual o Metrópoles teve acesso, o instalador de cortinas diz que financiou um veículo Nissan March 2013/2014 com o Banco Votorantim S/A em 31 de agosto de 2021, com 60 parcelas mensais de R$ 1.005.

á em setembro de 2021, Tobias viu a propaganda publicitária da Solução Financeira na televisão, mais especificamente no canal da Rede Massa, afiliada do SBT que integra a televisão paranaense pertencente ao Grupo Massa – comandado por Ratinho.

Em 16 de outubro de 2021, Tobias firmou contrato de prestação de serviços com a Solução Financeira, “que prestaria serviços voltados a negociação extrajudicial com o Banco Votorantim S/A, para que o requerente conseguisse quitar sua dívida obtendo um vantajoso desconto.”

Com a negociação, Tobias pagou à empresa 20 boletos, que totalizaram o valor de R$ 3.536. Tobias, no entanto, alega que não tem qualquer notícia a respeito dos serviços que foram cobrados pela Solução Financeira e aponta que buscou os serviços da empresa apenas pela presença de Ratinho como “parceiro licenciado”, segundo o documento.“

Ou seja, o Segundo Requerido Carlos Roberto Massa – ‘Ratinho’, não é um mero garoto propaganda, mas, sim, um personagem que possuí vínculo empresarial com a primeira requerida [Solução Financeira]. Ressalte-se que nas mídias sociais da primeira requerida consta um vídeo demonstrando que o segundo requerido é um parceiro comercial. Portanto, o segundo requerido Carlos Roberto Massa faz parte da cadeia de consumo”, acusa o processo judicial.

“Em alguns processos contra a Empresa Solução Financeira, é possível identificar que os consumidores são orientados a deixarem de pagar suas respectivas dívidas perante as Instituições Bancárias. Porém, em alguns casos, estas dívidas acabam ocasionando ações de busca e apreensão nos veículos destes consumidores”, conta William Faintych, advogado de Tobias da Silva Pedro.

Justiça

Por se sentir lesado pela empresa e pelo apresentador do SBT, o instalador de cortinas pede que o contrato com a Solução Financeira seja reincidido. Além disso, ele também pede a devolução dos R$ 3.536 pagos para a empresa financeira, dos quais ele alega que não foram prestados.

Tobias também pede que indenização por danos morais da empresa e de Ratinho no valor de R$ 10 mil.

De acordo com documento, uma audiência de conciliação on-line foi marcada para 30 de junho.

A matéria segue aberta para atualização.

Metrópoles

Related posts

Deixe uma resposta