“Já ganhou a eleição, cala a boca e vai trabalhar”, dispara Guedes

O ministro da Economia, Paulo Guedes, rebateu as críticas em relação aos 40 milhões de cidadãos de passam fome no país

Paulo Guedes, ministro da Economia, criticou, nesta sexta-feira (18/11), as alegações do Gabinete de Transição sobre os 40 milhões de cidadãos que passam fome no país. “Já ganhou a eleição, cala a boca e vai trabalhar”, disse. A declaração foi feita durante a comemoração dos 30 anos da Secretaria de Política Econômica, em Brasília.

“Bolsonaro foi transformado num demônio”, diz Paulo Guedes

“(São) 40 milhões de pessoas passando fome. Onde estavam essas pessoas que não descobriram antes? Estavam já passando fome no governo deles [PT], mas nós descobrimos os invisíveis. É válido para ganhar a eleição, mas já ganhou, cala a boca, vai trabalhar, vai construir um negócio melhor”, ressaltou o ministro.

De acordo com Guedes, o PT só enxergou essas pessoas agora, pois ficou de 2003 a 2016 no Palácio do Planalto, entre os governos de Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff.

Em 2022, o país tem 33,1 milhões de pessoas nessa situação de vulnerabilidade e insegurança alimentar, sendo 14 milhões a mais do que em 2020. Os dados são do 2º Inquérito Nacional sobre Insegurança Alimentar no Contexto da Pandemia da Covid-19 no Brasil, feito pela Rede Brasileira de Pesquisa em Soberania e Segurança Alimentar e Nutricional.

metropoles

Related posts

Deixe uma resposta