Manifestantes fecham BR-163 em MT e dizem que não aceitam vitória de Lula

Manifestantes fecharam trechos da BR-163, em quatro municípios da região norte de Mato Grosso, na noite deste domingo, em protesto contra a derrota do presidente Jair Bolsonaro (PL) na disputa à reeleição para o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Eles atearam fogo em pneus em pontos da rodovia, em Lucas do Rio Verde, Sorriso, Sinop e Nova Mutum.

Vídeos feitos e publicados nas redes sociais mostram os participantes aglomerados, sendo que alguns com camisetas da seleção brasileira.

Segundo a concessionária Rota do Oeste, que administra a rodovia, os atos são monitorados. No entanto ainda não informações sobre o congestionamento de veículos nesses trechos.

“O provo brasileiro sabe que sofreu um duro golpe, e nós não vamos aceitar”, diz o autor de um vídeo. “Vamos parar o Brasil, chega de sermos burros”, acrescenta uma mulher, na gravação.

“O povo de Lucas do Rio Verde não aceita a esquerda. Não vamos aceitar essa palhaçada. BR trancada. Tudo pacífico”, diz uma outra pessoa que grava a manifestação.

Um terceiro vídeo mostra três homens que anunciam uma “paralisação dos caminhoneiros e do agronegócio juntos”. “Eleição se conquista. O barbudo roubou. Vai parar, vem para a rua. E vão para o mercado, abasteça o rango, que vai faltar comida na prateleira, minha gente”, afirmou. “Viva a democracia”, finaliza.

oglobo

Related posts

Deixe uma resposta