Mourão: Forças Armadas não vão intervir após resultado das eleições

Vice-presidente afirmou que as Forças Armadas estão “totalmente voltadas para sua atividade profissional” e descartou qualquer intervenção

O vice-presidente Hamilton Mourão

Questionado se as Forças Armadas aceitarão qualquer resultado da eleição deste ano e cumprirão suas obrigações institucionais, Mourão afirmou que “isso não pode ser colocado em dúvida em nenhum momento”.

(PRTB) descartou qualquer possibilidade de intervenção das Forças Armadas, indepententemente do resultado das eleições presidenciais deste ano.

No dia 30 de janeiro, em entrevista ao jornal Folha de S.Paulo, ao ser questionado se prestaria continência a Lula, em uma eventual vitória, em 2023, o comandante Carlos de Almeida Baptista Junior afirmou que a insitutuição “prestaria continência a qualquer comandante supremo das Forças Armadas, sempre”.
metropoles

Related posts

Deixe uma resposta