Nos EUA, Zambelli pede que apoiadores mandem denúncias de ‘censura’

Após viajar para os Estados Unidos para “cumprir agendas pessoais” e “estudar meios de assegurar e restaurar a liberdade de expressão no Brasil junto a autoridades americanas”, a deputada Carla Zambelli (PL-SP) voltou a surgir nas redes sociais para anunciar que está “juntando provas” de supostas censuras do STF (Supremo Tribunal Federal) e do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) para levar à Comissão Interamericana de Direitos Humanos.

Sem seus perfis oficiais após suspensão, o vídeo foi compartilhado nas redes sociais de alguns bolsonaristas, a exemplo de Dárcio Bracarense (PL-ES), que este ano disputou uma vaga de deputado federal e ficou como suplente.

UOL

Related posts

Deixe uma resposta