PM atira em cachorro e diz que foi atacado, em Cabedelo, PB; dona garante que animal é dócil

Um sargento da Polícia Militar de 57 anos atirou em um cachorro vira-lata durante uma confusão na noite desta terça-feira (18), no bairro de Monte Castelo, em Cabedelo, na Grande João Pessoa. Segundo informações da Polícia Civil, com base nos registros feitos pelos envolvidos, o PM alegou que o cachorro teria tentado atacá-lo e os donos não o repreenderam. Com medo, teria atirado contra o animal, que foi atingido e ficou ferido.

A dona do cachorro afirma que não houve ataque e que o animal é dócil, ainda segundo a polícia. Após o animal ser baleado, ela passou a discutir com o PM, que alegou legítima defesa.

Diante da confusão, o sargento chamou o atendimento de um pronto socorro veterinário no bairro do Bessa, em João Pessoa, que fez exames e os procedimentos médicos no animal. O cachorro passa bem e não teve órgão vital atingido.

O caso foi comunicado ao Centro Integrado de Operações Policiais (Ciop) e registrado na Central de Flagrantes. O PM e dona do cachorro foram ouvidos e liberados.

O registro será remetido para a delegacia de Cabedelo.

G1

Related posts

Deixe uma resposta