Polícia Civil faz perícia após morte de jovem em queda de parapente na Paraíba e delegado antecipa que ”causas deverão ser devidamente apuradas”

A Polícia civil vai investigar as causas da morte de um homem de 26 anos após cair de um voo de parapente, no último domingo (21) na cidade de Alagoa Grande

A Polícia civil  vai investigar as causas da morte de um homem de 26 anos após cair de um voo de parapente, no último domingo (21) na cidade de Alagoa Grande, no interior da Paraíba. Moradores revelaram que o equipamento teria feito um giro no ar, ficando de cabeça para baixo, e em questão de segundos, o jovem começou a cair.

De acordo com o delegado seccional de Campina Grande, Luciano Soares, as circunstâncias em que ocorreu a morte do jovem Alexandre Pereira Alves, deverão ser devidamente apuradas pela polícia civil em inquérito policial. ”Como pode ser visualizado nas imagens, foi uma morte decorrente de uma queda, proveniente de um equipamento em uma área onde é comum realizarem esse tipo de atividade esportiva, então o delegado de Alagoa Grande deverá presidir as investigações para dirimir qualquer dúvida sobre as reais causas dessa trágica morte”, antecipou Luciano para a reportagem do portal ClickPB.




Alexandre Pereira Alves perdeu o controle do equipamento e acabou caindo de uma altura de aproximadamente 40 metros. O Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu) ainda foi acionado. Mas, quando chegou ao local, confirmou a morte, devido à gravidade dos ferimentos.

ClickPB

Related posts

Deixe uma resposta