Prefeito de Sapé envia a vereadores projeto que retira direitos de aposentados e servidores ocupam Câmara cobrando diálogo

Prefeito de Sapé envia a vereadores projeto que retira direitos de aposentados e servidores ocupam Câmara cobrando diálogo

De acordo com o texto, servidores inativos terão desconto de 14% no vencimento e pensionistas passarão a receber apenas 50% do salário base.

Uma reforma da previdência que retira direitos dos servidores municipais de Sapé está sendo proposta pela prefeitura da cidade. Três projetos de lei da gestão foram enviados à Câmara Municipal desde abril e visam alterar a alíquota previdenciária e modificar a lei orgânica do município. A previsão é que sejam votados ainda nesta terça-feira (31).

De acordo com o texto, servidores inativos terão desconto de 14% no vencimento e pensionistas passarão a receber apenas 50% do salário base. Para os professores, há um aumento de sete anos no tempo de serviço para a aposentadoria, além de retirar o direito aos aumentos dos ativos (paridade) pelos aposentados.

Desde ontem, entidades sindicais estão se mobilizando contra a proposta e ocupam o plenário da Câmara. No entanto, os servidores, que já apresentaram emendas aos projetos, alegam que a prefeitura tem faltado às reuniões marcadas com as associações e o debate sobre o tema tem sido prejudicado por falta de diálogo da gestão.

“Os servidores públicos do município de Sapé, da prefeitura e da Câmara, estão na sede da Câmara de Vereadores em vigília permanente para ver a possibilidade de conversar com o prefeito, que desapareceu da cidade e não quer se reunir com os servidores. Então, vamos continuar o dia inteiro até quando o prefeito se dignar a sentar com os servidores para discutir o projeto da previdência, o projeto da maldade, que retira direitos dos servidores e faz o aposentado descontar dos seus vencimentos”, disse Garibalde Pessoa, assessor jurídico das entidades sindicais.

clickpb

Related posts

Deixe uma resposta