Presidente da OAB-PB anuncia concurso com vagas para advogados atuarem na Procuradoria das Prerrogativas

Harrison Targino destacou que a proposta foi feita ainda durante a campanha e que a intenção é a “profissionalização da Procuradoria das Prerrogativas”.

O presidente da Ordem dos Advogados do Brasil, seccional Paraíba, Harrison Targino anunciou nesta terça-feira (18) que será feito um concurso com vagas para advogados atuarem na Procuradoria das Prerrogativas da instituição. Em entrevista ao jornalista Luis Tôrres, no programa Rede Verdade, da TV Arapuan, Harrison destacou que a proposta foi feita ainda durante a campanha e que a intenção é a “profissionalização da Procuradoria das Prerrogativas”.

Ainda esta semana, na próxima sexta-feira (21) deverá acontecer a primeira reunião do Conselho Seccional da OAB, quando será apresentada oficialmente a proposta de seleção pública. O presidente da OAB-PB espera que seja aprovada a proposta e logo em seguida formada uma comissão organizadora da seleção “para que esses próximos três, quatro meses, possamos ter um edital, regras específicas, garantir a impessoalidade devida para fazer essa seleção”.

Ele antecipou ainda, conforme acompanhou o ClickPB, que, de início, será uma seleção pequena com apenas uma ou duas vagas. Apesar disso, a expectativa é de que o quadro possa ser ampliado, a depender também das condições econômicas da OAB-PB. “Todo o sistema de prerrogativas não recebe nada em troca da ação que faz ao outro e à sua profissão. Todos merecem homenagem. Entrementes, o acompanhamento do processo em si, decorrente de toda essa atividade de defesa, muitas vezes exige uma atenção específica. Por isso a profissionalização que será feita em número compatível com as condições econômicas da OAB, que são muito reduzidas e que deve ser, com o tempo, naturalmente ampliada”, declarou.

A atual comissão de prerrogativas, nomeada por Harrison é dirigida por Jane Milanez juntamente com outros colegas que, segundo o presidente da OAB-PB, “são verdadeiros artífices dessa luta, com doação, sem receber nada em troca”.

“Vamos fazer essa seleção para que possa um colega defender com a liberdade, com autonomia, recebendo para tanto e reforçando um sistema que é da defesa da advocacia, que é o sistema de prerrogativa”, destacou Harrison Targino.

A Procuradoria de Prerrogativas tem como objetivo a defesa da dignidade e valorização do exercício da advocacia e atua também no acompanhamento de processos judiciais e administrativos.

clickpb

Related posts

Deixe uma resposta