Presidente do TSE Afirma que acordo com Spotify vai Combater impactos de falsas notícias nas eleições

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Edson Fachin, anunciou, na abertura da sessão desta quinta-feira (12), a assinatura de um acordo com o Spotify para enfrentamento da desinformação relacionada ao processo eleitoral brasileiro. A plataforma de áudio redirecionará usuárias e usuários até a página da Justiça Eleitoral e oferecerá recursos para ajudar a identificar e conter práticas desinformativas. O TSE e os 27 Tribunais Regionais Eleitorais (TREs) terão um canal de comunicação exclusivo com a empresa para apontar conteúdos a serem analisados.

O objetivo da cooperação é combater os impactos nocivos das notícias falsas por meio da disseminação de conteúdos confiáveis e oficiais sobre as Eleições Gerais de 2022. “A parceria entre a Justiça Eleitoral e a plataforma de streaming é fruto de uma busca contínua para coibir a proliferação das chamadas fake news que têm por objetivo macular a legitimidade do processo eleitoral e a capacidade das eleitoras e dos eleitores de exercer o voto consciente”, afirmou o presidente do TSE, acrescentando que a iniciativa é mais um passo da Justiça Eleitoral rumo à promoção da paz e da segurança nas eleições.

Lançamento

O ministro também divulgou o lançamento do perfil do Tribunal Superior Eleitoral na plataforma. O podcast Todo Mundo Quer Saber, disponível gratuitamente no Spotify, reúne uma série de entrevistas com o professor de Direito Eleitoral Digital, Diogo Rais. O conteúdo é direcionado ao público que deseja entender mais sobre a democracia do país e sanar dúvidas a respeito do processo eleitoral.

 

TSE

Related posts

Deixe uma resposta