Relatório da +Água aponta contaminação fecal com mais de 20 bactérias em amostras de água de Santa Rita, denuncia Nicola

Relatório da +Água aponta contaminação fecal com mais de 20 bactérias em amostras de água de Santa Rita, denuncia Nicola

O empresário Nicola Lomonaco divulgou na manhã desta sexta-feira (3) um laudo com o resultado de uma análise realizada na água que está sendo consumida pela população de Santa Rita.




O empresário Nicola Lomonaco divulgou na manhã desta sexta-feira (3) um laudo com o resultado de uma análise realizada na água que está sendo consumida pela população de Santa Rita. Os resultados da análise mostram que a água que está saindo das torneiras das casas da cidade estão impróprias para o consumo humano.

O relatório do laboratório +Água, que realizou a análise, aponta contaminação fecal com mais de 20 bactérias em amostras de água de Santa Rita.

A água apresenta uma quantidade de cloro que seria insuficiente para eliminar os coliformes e foram identificadas mais de 20 bactérias nas amostras analisadas. “Não tivemos bons resultados. Essa água não é indicada para consumo, pois vai causar danos ao nosso organismo, sobretudo em crianças e idosos”, disse o químico João Sales, responsável pela análise.

Os moradores da cidade de Santa Rita tem reclamado constantemente que a água que está saindo nas torneiras  está com a coloração escura e com aspecto “barrento” e cheiro desagradável. A população denuncia localidades ficam a maior parte do dia sem água e que quando o abastecimento é retomado, a água que sai das torneiras é de má qualidade.

A empresa responsável pela água,  a ANE, já havia se pronunciado anteriormente sobre o caso e alegou que a coloração da água se devia às chuvas intensas e em decorrência da infraestrutura precária. Mas segundo relatos coletados junto a moradores da região, essa coloração “amarelada” não é novidade. As chuvas intensas acarretam muita turbidez, o que acaba afetando a coloração.

clickpb

Related posts

Deixe uma resposta