Santiago explica matemática e diz ter convicção da capacidade do Republicanos eleger quatro federais

O deputado federal e pré-candidato à reeleição pelo Republicanos, Wilson Santiago, garantiu, em entrevista nesta segunda-feira (04), que seu partido está trabalhando para eleger até quatro deputados federais nas eleições desse ano, ou seja, 1/3 da representação da Paraíba na Câmara dos Deputados.

Segundo ele, a projeção não é impossível, tendo em vista o somatório de votos que a legenda busca alcançar na corrida proporcional, seja para deputado federal, seja para estadual.

“Nós estamos trabalhando para fazer o maior número possível de votos que dê a possibilidade de eleger quatro deputados federais. Teremos condições sim. Estamos num bom somatório, numa boa chapa para federal, fazendo o possível para aumentar esses votos e com isso ter uma boa representação de deputados federais e também de estaduais. Acredito que teremos condições de fazer os quatro deputados. Precisamos trabalhar sim, ninguém pode esconder isso, mas a diferença de três para quatro não é tão grande”, disse.

Conforme o parlamentar, de acordo com a nova legislação partidária, para se eleger um deputado federal é necessário alcançar um somatório determinado de votos. Após alcançado esse percentual, o segundo mais votado da sigla será puxado pela média, que é de 80% do coeficiente eleitoral.

“Depois que faz o primeiro deputado, o segundo sai do coeficiente eleitoral e vem para média que é 80% de um coeficiente, então se você tem duas vezes 80% de um coeficiente que é 136 mil votos, você já faz logicamente dois deputados federais. E as últimas vagas que serão preenchidas, serão do partido que fizer o maior número de votos, e dessa forma a média diminui”, explicou.

Além de Wilson Santiago, disputa a reeleição pelo Republicanos o deputado federal Hugo Motta, que é o presidente da legenda. A sigla também conta com figuras como Murilo Galdino, que é irmão do presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba, e o deputado estadual Raniery Paulino, que trocou a corrida pela reeleição para disputar a vaga federal.

PB Agora

Related posts

Deixe uma resposta