Petrópolis: motoristas de ônibus arrastados pela correnteza falam sobre tragédia

A tragédia em Petrópolis uniu as trajetórias de dois Carlos. Eles protagonizaram cenas dramáticas e emblemáticas, na última terça-feira (15). Ambos eram os motoristas dos ônibus que foram levados pela correnteza. Eles conseguiram se salvar e resgatar os passageiros, quando moradores de um condomínio jogaram cordas. Carlos Alberto Nascimento, um dos heróis dessa história, completou 52 anos nesta quinta-feira (17) e comemorou o seu “renascimento” e a possibilidade de ter podido ajudar as pessoas que estavam no coletivo que dirigia. O motorista do segundo ônibus, Carlos Antônio Farias, de 45 anos,…

Read More