Caso Mônica de Oliveira: Corpo de juíza é velado em capela de Belém e deve ser levado à Paraíba, onde vive a família

O corpo da juíza Mônica de Oliveira foi liberado pelo Instituto Médico Legal (IML) por volta das 4h desta quarta-feira (18) e é velado em uma capela na rua Domingos Marreiros, no bairro do Umarizal, em Belém. A magistrada foi encontrada morta dentro do carro e levada até a delegacia em Belém pelo marido, o juiz João Augusto Figueiredo de Oliveira Júnior. Ele afirmou que a morte foi suicídio em “momento de fraqueza”. Segundo uma parente da juíza na capital do Pará, a família está preparando traslado do corpo para a Paraíba, onde ele deve ser…

Read More