TRE-PB cassa mandatos de vereadores e Monte Horebe terá novas eleições

O pleno do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB) negou, na segunda-feira (20), recurso do MDB para reverter uma decisão de 1º grau que cassou o mandato de nove vereadores e três suplentes da legenda em Monte Horebe por fraude na cota de gênero com “candidaturas laranjas” de três mulheres.

De acordo com a denúncia do partido Cidadania, as então candidatas Nilma Barbosa dos Santos, Josefa Alice Costa e Iracy de Sousa Cavalcanti Ferreira participaram da eleição apenas para o cumprimento da cota de gênero, de 30%.

Com a decisão, um novo pleito deverá ocorrer em até 40 dias no município. A decisão acontece por não haver número de suplentes suficientes.

Confira os nomes dos parlamentares eleitos em 2020, e agora cassados:

Edigley Cardoso Ferreira, Júlio Cézar Ferreira Braga, Márcio José Nogueira, Iranaldo Pereira de Sousa, Joaquim Leite De Brito, José Nilton Pereira Dantas, Agamoneo Dias Guarita Júnior, Valtiere Silva Barreiro e José Soares de Sousa. A decisão também afetou as suplentes: Iracy De Sousa Cavalcanti Ferreira, Maria Marinalva Cardoso Dias e Josefa Alice da Costa.

Related posts

Deixe uma resposta