Vídeo | Padrasto de Júlia fala pela primeira vez após o crime: “Foi um surto”

Vídeo | Padrasto de Júlia fala pela primeira vez após o crime: “Foi um surto”

Suspeito foi levado para a Penitenciária Desembargador Flósculo da Nóbrega, mais conhecida como Presídio do Róger

Francisco Lopes de Albuquerque, de 34 anos, suspeito pela morte da enteada, Júlia dos Anjos, foi levado para o Presídio do Róger na tarde desta quarta-feira (13). Na saída para a penitenciária, ele falou pela primeira vez com a imprensa e disse que cometeu o crime em um momento de “surto”.

“Isso pra mim foi um surto que eu tive. E reconheço que foi um surto. Eu sei que a família dela não vai me perdoar nunca pelo ato que eu fiz”, disse ele.

Perguntado se gostaria de pedir perdão, Francisco declarou: “o mínimo que eu posso fazer é isso”.




 

VEJA MAIS:




portalt5

Related posts

Deixe uma resposta