Zambelli após Gilmar mandar entregar arma em 48h: “Impossível cumprir”

Deputada Carla Zambelli afirma ser impossível cumprir determinação do ministro Gilmar Mendes, do STF, para devolver sua arma em até 48 horas

Carla Zambelli diz ser “impossível cumprir” determinação de Gilmar Mendes para devolver sua arma em até 48h. A deputada afirmou à coluna que está em missão oficial fora do país.

“Impossível cumprir determinação para devolver minha arma em 48 horas. Estou em missão oficial fora do país e só retorno no dia 23 (sexta-feira). Portanto, nem que quisesse eu conseguiria”, diz Carla Zambelli.

“Ainda não fui intimada sobre essa decisão do STF. Então vou aguardar a intimação para saber que providências jurídicas tomarei”, completou.

A parlamentar pretende recorrer da determinação do ministro Gilmar Mendes alegando que a Procuradoria Geral da República cometeu erros nos argumentos apresentados para requerer a suspensão de seu porte de arma. A ação foi ingressada no STF após Zambelli sacar arma numa avenida em São Paulo às vésperas do segundo turno.

Carla Zambelli está em missão oficial em Portugal, Itália e Espanha. Dos nove dias fora do Brasil, cinco terão ônus à Câmara dos Deputados. A parlamentar diz levar a autoridades internacionais informações sobre a “situação de censura” no Brasil. Ela cita a atuação de Alexandre de Moraes e contesta a derrota eleitoral de Bolsonaro. Nesta quarta-feira, Zambelli estará no Senado da Itália.

metropoles

Related posts

Deixe uma resposta