Idosa morre após ser atropelada por motorista com sinais de embriaguez, em João Pessoa

Uma idosa de 65 anos morreu após ser atropelada enquanto voltava para casa após sair da igreja na manhã deste domingo (28), em João Pessoa. O acidente aconteceu no bairro Colinas do Sul, e o motorista, com sinais de embriaguez, foi preso em flagrante por uma equipe da Polícia Militar que estava a poucos metros do local onde aconteceu o atropelamento, que foi registrado por câmeras de um estabelecimento.

Em um dos vídeos, é possível ver o carro da PM estacionado na Rua Joaquim Monteiro da Franca, às 8h22. Uma moto com um casal passa e, em seguida, passa o veículo que atingiu a mulher, uma caminhonete, que parece estar em alta velocidade e que cujo motorista tenta desviar para não atingir a moto.

No segundo vídeo, de outro ângulo, é possível ver a idosa caminhando na rua, quando a caminhonete passa, já descontrolada, desviando da moto e atingindo em cheio a vítima, que não resistiu aos ferimentos e morreu ainda no local. No mesmo vídeo, também é possível ver o primeiro policial militar, que saiu da viatura, e chega ao local do acidente.

Segundo o pastor Eudes Henrique, da igreja que a idosa frequentava, Marlene Pinheiro Andrade era missionária da igreja e estava há duas quadras de casa quando foi atingida pelo carro. Ela deixa marido e dois filhos.

De acordo com o aspirante da PM Azevedo, a polícia chegou ao local poucos segundos depois do acidente, e encontrou o motorista da caminhonete ainda ao volante, com sinais de embriaguez, além da idosa caída na calçada.

“Posteriormente foi constatada a morte da vítima, assim como também a embriaguez, pelo teste do etilômetro, do Eduardo. Deu 0,57 mg/l. Ele foi para a delegacia onde foi indiciado por homicídio doloso e embriaguez ao volante”, disse Azevedo.

G1